A ampla frente de Lula se amplia

Em várias ocasiões, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse aos eleitores que ele é a única pessoa capaz de liderar uma frente ampla contra o presidente Jair Bolsonaro, um líder antidemocrático que, apesar dos inúmeros fracassos de seu governo, ainda conta com o apoio de um terço do eleitorado.

Essa ampla frente foi ampliada na segunda-feira, quando Lula dividiu o palco e obteve o apoio de Marina Silva, sua ex-ministra do Meio Ambiente. Silva, ex-aliado, teve uma relação tensa com o Partido dos Trabalhadores nos últimos anos.

Sua reaproximação foi o culminar de meses de negociações nos bastidores para curar velhas feridas abertas pela política. Agora ele dá credenciais de boa-fé a Lula em uma área onde Bolsonaro é mais fraco: o meio ambiente.

Ouça e assine nosso podcast do seu dispositivo móvel:

Spotify, Podcasts da Apple, Google Podcasts, Deezer

Convidado:

  • euan marechal é editor da O relatório brasileiro e também lidera o podcast Explicando o Brasil na ausência de Gustavo Ribeiro.

Este episódio usou música de Uppbeat. Códigos de licença: PPWUGD14MZTQFEEV, KC1YCZNP4CGEAHWO, GRKMCSTWVRW0FOH, OEHFYDSWZVCGQXAP, GPS5VHTTSMIBMVXZ, 2KQRQRX7R5UTMPZM.

Leitura de fundo:

  • Nós lançamos um relatório especial da eleição 2022 com tudo o que você precisa saber sobre as disputas para o Congresso, governadores e, claro, a presidência. Compre aqui! Use o código promocional Explaining2022 para obter um desconto de 20%.
  • Aqui está a nossa opinião sobre o primeiro debate presidencial de 2022.
  • Marina Silva, ex-senadora, ministra do Meio Ambiente e três vezes candidata à presidência, concorrerá a uma vaga na Câmara representando o estado de São Paulo. A medida visa aumentar a presença no Congresso de seu partido, um grupo ambientalista conhecido como Rede.
  • Em 2018, Marina Silva conversou com Euan Marshall em entrevista exclusiva sobre seu plano de desmatamento, sua saída do governo e a calamidade ambiental de Jair Bolsonaro.
  • No início da campanha presidencial de 2018, Marina Silva tinha números decentes nas pesquisas. Brian Winter, editor-chefe do Americas Quarterly, ficou incrédulo por ela não ser considerada a favorita. Nós explicamos a ele por que isso era assim.

Você tem alguma sugestão para o nosso próximo podcast Explicando o Brasil? Escreva-nos em [email protected]

Não se esqueça de nos seguir no Twitter S Facebook.

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.