Ana María Braga fala sobre quarentena e declara o marido

Em conversa com Manoel Soares nas redes sociais, Ana María Braga falou sobre como anda o período de isolamento social. O apresentador disse que era o momento certo para ela se proteger, pois havia iniciado a quimioterapia devido ao câncer de pulmão.

“Tive o privilégio de poder me tratar, e foi justamente na época em que o câncer foi detectado. Pude vir para São Paulo. Estava recebendo quimioterapia e nova terapia alternativa de células sanguíneas. Então, tinha que ir quase todas as semanas em do hospital. Eu estava em casa. Minha casa sempre foi São Paulo, e sou doada pelo Rio. Nesse empréstimo passei 12 anos no Rio de Janeiro. Fiquei em casa, perto de todo mundo … ”, comentou Ana , que mora em São Paulo e grava o programa “Mais Você” no Rio de Janeiro.

Outro benefício de estar em São Paulo, para o apresentador, é a companhia do marido, o francês Johnny Lucet. Ana e Johnny se casaram em fevereiro deste ano, em uma cerimônia íntima, na própria casa, durante as férias em São Paulo.

Ana María e Johnny Lucet na cerimônia de casamento

Imagem: Reprodução / Instagram

No show, Ana declarou ao amante, dizendo que a troca de alianças deu certo: “Eu tenho um anel e tudo. E com uma pessoa linda. Uma pessoa que não é do Brasil, mas que ama a cultura brasileira, integrou Muito de”. Você vê que funcionou tão bem, porque ficar em quarentena com alguém com quem você não se identifica é muito raro. E estamos agüentando quase 4 meses, sem sair de casa, sem ver gente …. “

Ana María Braga fala sobre o período de quarentena - Reprodução / Instagram - Reprodução / Instagram

Ana María Braga fala sobre o período de quarentena

Imagem: Reprodução / Instagram

Na pausa que ele teve que fazer, devido à pandemia do novo coronavírus, o apresentador aproveitou a oportunidade para refletir. “A vida me pediu para lidar com tudo isso e olhar mais fundo. Estou no ar há 30 anos, acordo às 4h30 e faço um trabalho que adoro, mas nunca tive tempo para ficar. Nunca tive tempo para estando comigo mesma, nunca tive tempo de arrumar o meu armário … ”.

Ela acrescentou: “Ela me pediu para prestar mais atenção na qualidade do uso do meu tempo. Aprendemos muito nessa época. Acho que esse ‘novo normal’, que já é normal, é um momento em que estamos vencendo, se soubermos olhar para ele. positivamente. Acho que sempre podemos acordar de manhã e dizer: ‘Uau, estou bem. Acordei hoje.’

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa Esteves

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *