Atacante marca 4 na vitória de Joinville sobre Tubarão, na Série D

Se o desperdício de oportunidades tinha sido uma marca de Joinville na Série D do Campeonato Brasileiro, nesta quinta-feira (15) a história foi diferente. Eficiente e mortal, Coelho lançou o Shark 6 a 1, de uma vez, numa tarde inspirada em Alison Mira. O atacante de 25 anos, que marcou apenas um gol em cinco jogos pelo JEC, acertou quatro vezes. Só na primeira parte, foram três golos num intervalo de cerca de 10 minutos.

A vitória colocou o Tricolor no G-4 do Grupo 8, com nove pontos na quarta colocação. Tubarão, com a derrota, continua na sétima colocação, com três pontos, e sofreu a quinta derrota em seis jogos. A partida da Arena Joinville (SC) foi transmitida ao vivo no site Tv brasil. Na outra partida importante desta quinta-feira, o Pelotas venceu o São Caetano por 3 a 1.

Ritmo impressionante na Série D

O jogo começou em ritmo vertiginoso, com as equipes indo para o ataque, embora sem muitos passes. Os gols não demoraram a aparecer. Aos 14 minutos, após cobrança de escanteio, o zagueiro Gutiérrez, de cabeça, colocou Tiburon na frente. O Joinville respondeu na sequência, com um chute cruzado do meio-campista Diego, perto da pequena área, que passou raspando.

Então o show de Alison Mira começou. Aos 21 minutos, o atacante do JEC converteu um pênalti de Gutiérrez no meia Ratinho. Quatro minutos depois, a camisa 9 foi arremessada por Ratinho, que aproveitou o fato de Gutiérrez ter falhado a bola na tentativa de cabecear e virar o placar. Aos 31 anos, o atacante atacou de fora da área, o chute desviou por trás e foi para as redes.

Filho de romário

O atacante não parou no segundo tempo. Aos 10 minutos, ficou com uma bola deixada por Gutiérrez, que acertou Diego, e acertou para marcar seu quarto e o do JEC. Para complicar a vida de Tubarão, o goleiro Guilherme Boer nocauteou o meio-campista Davi Lopes na área e foi expulso aos 18 anos. O próprio Davi pegou, na curva, e fez o quinto pelo time local.

Com o placar consolidado, o técnico do JEC, Fabinho Santos, aproveitou para descansar alguns jogadores. Entre eles Alison, que deu lugar a Romarinho, filho do ex-jogador Romário. O atacante quase fez o que queria aos 31 minutos, cabeceamento defendido pela defesa. A posição ofensiva do Tricolor, porém, não mudou e, além disso, o Joinville ainda fez a sexta colocação, com o atacante Lucas de Sá.

As duas equipes voltam a campo no domingo (18). Tubarão enfrenta Pelotas, no estádio Domingos González, em Tubarão (SC), às 16h (horário de Brasília). Joinville visita São Caetano, no estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul (SP), às 18h.

Veja outros resultados da atual rodada da Série D:

Grupo 1

Independente (PA) 4×1 Atlético (AC)

Rápido (AM) 1×1 Vilhenense (RO)

Rio Branco (AC) 4×1 Ji-Paraná (RO)

Grupo 2

Moto Clube (MA) 1×1 São Raimundo (RR)

Rio (PI) 3×1 Santos (AP)

Sinop (MT) 0x2 Juventude Same (MA)

Baré (RR) 2×1 Altos (PI)

Grupo número 3

Floresta (CE) Globo 2×0 (RN)

Campinense (PB) 0x0 Salgueiro (PE)

Afogados (PE) 3×2 Athletic (PB)

Grupo 4

Potiguar (RN) 3×2 Jacyobá (BA)

Coruripe (AL) 1×0 ABC (RN)

Freipaulistano (SE) 0x0 Central (PE)

Vitória da Conquista (BA) 2×1 Itabaiana (SE)

Equipe 5

Trabalhador de Várzea Grande (MT) 1×1 Goiânia (GO)

Aparecidense (GO) 2×1 Real Noroeste (ES)

Goianésia (GO) União Rondonópolis (MT) 2×1

Grupo 6

Palmas (TO) 0x3 Alcance (DF)

Baía da Feira (BA) 3×0 Caldense (MG)

Villa Nova (MG) 2×1 Atlético (BA)

Tupynambás (MG) 1×4 Brasiliense (DF)

Grupo 7

Nacional (PR) 0x3 FC Cascavel (PR)

Toledo (PR) 1×1 Bangu (RJ)

Ferroviária (SP) 3×1 Cabofriense (RJ)

Grupo 8

Novorizontino (SP) 1×0 São Luiz (RS)

Marcílio Dias (SC) 1×0 Caxias (RS)

Confira a classificação da Série D do Campeonato Brasileiro.

You May Also Like

About the Author: Ivete Machado Castilho

"Introvertido. Leitor. Pensador. Entusiasta do álcool. Nerd de cerveja que gosta de hipster. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *