Black Friday 2020: Veja como encontrar o melhor laptop para jogos por menos | Sexta-feira preta

A Black Friday 2020 acontece nesta sexta-feira (27) e é uma boa oportunidade para encontrar notebooks gamer com desconto. Nossa pesquisa mostra que é possível encontrar laptops para jogos de marcas como Samsung, Lenovo, Dell, Acer e Avell com valores até R $ 2.100 menores. No guia abaixo, abordamos os critérios que você pode usar em seu processo de seleção para garantir o menor preço e também o melhor ajuste dentro do seu orçamento e necessidades.

Oito dicas essenciais para escolher o melhor telefone na Black Friday

1. Atenção ao histórico de preços

Os comparadores de preços ajudam você a encontrar ofertas e evitar promoções enganosas – Foto: Filipe Garrett / TechTudo

A nova pandemia de coronavírus e a alta do dólar afetaram os preços dos eletrônicos em geral, e laptops e hardware de jogos não foram exceção. Uma dica para encontrar promoções e descontos reais, onde os preços realmente caíram na Black Friday, é usar uma comparação de preços, como a Compare TechTudo.

Não Compare TechTudoAlém de outros sites semelhantes, você tem acesso a um histórico detalhado de preços de cada modelo, algo que permite ver claramente quanto custou o laptop que você procura nas últimas semanas e meses. Com essas informações fica fácil ver se as lojas têm aumentado o preço para criar descontos artificiais nesta Black Friday.

2. Atenção ao processador

Intel domina o mercado de notebooks para jogos no Brasil – Foto: Divulgação / Acer

No Brasil, a Intel domina o nicho de notebooks para jogos. Portanto, para comprar um bom modelo é importante estar atento à evolução dos processadores da marca nos últimos anos. O primeiro detalhe que você deve procurar é a geração da CPU: ela determina a arquitetura do processador, que afeta o desempenho e o consumo de energia do dispositivo.

Os laptops para jogos mais recentes são fornecidos com unidades da décima geração Intel. Mas é bom lembrar que os modelos de nona geração ainda não foram encontrados e podem ter preços ainda mais atraentes sem grandes perdas em termos de desempenho. Como último recurso, você pode considerar modelos com processadores de 8ª geração, sabendo que abrirá mão do desempenho e do ciclo de vida em busca de um preço mais acessível.

Os processadores Intel são fáceis de identificar em termos de geração. Cada modelo possui uma designação numérica em que os primeiros números definem sua geração, por exemplo: Core i5 10300H é a 10ª geração, assim como o Core i5 9300H é a 9ª e assim por diante.

3. Foco no desempenho para Full HD

A tela Full HD de 15,6 polegadas do G3 é atualizada para 120 Hz e é o diferencial do modelo – Foto: Divulgação / Dell

A maioria dos notebooks games vendidos no Brasil oferece uma tela de resolução Full HD (1920 x 1080 pixels) que, nas dimensões reduzidas de 17,3 ou 15,6 polegadas, ainda representa definição de imagem satisfatória. Dados do Steam, coletados automaticamente de jogadores de todo o mundo, mostram que os monitores Full HD estão presentes em 65,67% dos computadores, mesmo com toda a atenção gerada pelo PS5 e Xbox Series X, em 4K.

Para rodar jogos em Full HD, para manter seu sistema relevante e de tirar o fôlego por alguns anos de lançamentos, é interessante procurar laptops que vêm equipados com pelo menos GeForce GTX 1650 da Nvidia com memória GDDR6. Com esta placa, você poderá rodar jogos recentes a 60 FPS sem sacrificar a fidelidade gráfica.

Para aqueles com um orçamento maior que querem algo mais avançado e melhor capaz de acompanhar as últimas tecnologias, uma boa opção são os modelos com GeForce RTX 2060, RTX 2070 ou RTX 2080 (considerando também as variantes Super e Ti). Essas placas têm alto desempenho gráfico, permitem aceleração de hardware de efeitos de rastreamento de raios, são compatíveis com DLSS 2.0 e suportam jogos recentes no nível ultra sem dificuldade.

Levando em consideração que, em alguns casos, os cartões RTX são interessantes para acompanhar laptops com telas que atualizam a 120 Hz, já que a potência gráfica extra acaba fazendo muita diferença para este nível de demanda.

As interfaces e a robustez do sistema de refrigeração são importantes – Foto: Divulgação / Lenovo

Mas nem tudo é perfeito. Ao procurar um laptop gamer, você já admite que está abrindo mão da portabilidade e da discrição, já que notebooks desse tipo raramente pesam menos de 2 quilos e costumam ter um design extravagante, repleto de LEDs e contrastes. Mas isso não significa que um portátil para jogos não possa funcionar de acordo com as suas necessidades e perspectivas, de quem quer algo para jogos.

É importante verificar os tipos de interfaces que são oferecidos. O padrão de saída USB-C, por exemplo, já é bastante popular em acessórios e é obrigatório. Se vier com suporte Thunderbolt e saída de vídeo, melhor ainda: você poderá conectar monitores de alta qualidade através da porta, além de ter a possibilidade de usar uma GPU adicional em computadores que suportem este tipo de função, como o Alienware.

Outra interface que você deve prestar atenção é a conectividade, especialmente para aqueles que gostam de jogar multiplayer online. A presença de uma porta Gigabit Ethernet é um fator decisivo, enquanto a presença de Wi-Fi 6 (802.11ax) também pode ser considerada.

Por fim, também é importante considerar atualizações: laptops que permitem a instalação simultânea de mais de um SSD ou HD são ideais, pois o espaço total disponível na máquina pode ser ampliado. Além disso, verifique a RAM total que o laptop permite instalar e quantos slots ele oferece.

Outro detalhe a ganhar na vida útil do laptop é sua capacidade de refrigeração. Quanto mais quente o laptop fica durante os jogos, menor é o seu desempenho a longo prazo e maior o potencial de irritação por falhas e outros problemas no caminho. Ao procurar um laptop para jogos, renuncie ao design fino e prefira modelos mais grossos com sistemas de refrigeração mais agressivos.

5. Prefira armazenamento híbrido ou SSD

SSDs garantem alta velocidade ao sistema e fazem a diferença nos jogos – Foto: Filipe Garrett / TechTudo

Hoje em dia, é bom evitar notebooks que só vêm com HD convencional, mesmo que sejam mais baratos. Isso ocorre porque os SSDs, especialmente PCIe (ou NVMe), são mais adequados para o uso exigente em jogos. Eles irão acelerar o seu sistema e tornar sua configuração mais relevante nos próximos anos, já que a nova geração de jogos construída com consoles em mente já assume que um SSD de alta velocidade é um requisito mínimo.

Mas é uma opção conhecer os laptops com armazenamento híbrido, aqueles que combinam o melhor dos dois mundos: você leva para casa uma máquina equipada com um SSD de menor capacidade, para instalar o sistema e os jogos que você curte agora, além de um disco rígido de alta capacidade para seus backups e arquivos. No entanto, lembre-se de que os SSDs variam em desempenho e os modelos de interface SATA são inferiores ao NVMe.

You May Also Like

About the Author: Gabriela Cerqueira

"Solucionador de problemas do mal. Amante da música. Especialista certificado em cultura pop. Organizador. Guru do álcool. Fanático por café."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *