Bolsonaro diz que pedirá isolamento ao Ministério da Saúde apenas para idosos e pessoas com doenças.

O presidente Jair Bolsonaro disse que pediria ao Ministério da Saúde que alterasse a orientação de isolamento da população durante a nova pandemia de coronavírus apenas para idosos e pessoas com comorbidades (outras doenças). Ao deixar o Palácio da Alvorada, Bolsonaro informou que conversará com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, sobre a decisão.

Após fazer uma declaração criticando o confinamento e defendendo a abertura de lojas, o chefe do Planalto solicitou a adoção do que chamou de “isolamento vertical”, ou seja, apenas para o grupo de risco.

“Conversei ontem com Mandetta (terça-feira). Hoje vamos definir essa situação. Tem que haver, não há outra alternativa ”, disse Bolsonaro quando deixou o Palácio da Alvorada. “A orientação será vertical a partir de agora. Vou falar com ele e tomar a decisão. Não escreva o que eu já decidi, não. Vou falar com Mandetta sobre essa orientação “.

Na quarta-feira, 25, Bolsonaro disse novamente que há “histeria” e “choque” com o coronavírus. “Você precisa colocar as pessoas para trabalhar e preservar os idosos”, disse ele.

Segundo Bolsonaro, foi ele quem escreveu o discurso transmitido na rede nacional, no qual contradisse todas as recomendações das autoridades de saúde para esse período de quarentena, devido ao avanço da pandemia. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

You May Also Like

About the Author: Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *