Brasil declara primeiro alerta de seca em um século: pesa na produção agrícola

As perspectivas para a produção de milho do Brasil continuam diminuindo devido à contínua seca que o governo declarou agora como a pior em quase um século. O modelo de previsão de produção de milho da Gro no Brasil aponta para uma redução significativa da produção de milho ano a ano, apesar de um aumento na área plantada.

Gro espera que o relatório WASDE de junho do USDA na quinta-feira reduza sua previsão para a produção brasileira de milho. No WASDE de maio, o USDA estimou a produção brasileira de milho em 102 milhões de toneladas, 7 milhões de toneladas a menos que a previsão de abril. O modelo de previsão de produção de milho da Gro no Brasil projetou uma produção bem abaixo das previsões oficiais desde janeiro, uma vez que a seca apresentou risco significativo e agora danos irrecuperáveis.

Gro também espera que o USDA aumente novamente sua estimativa para a demanda de milho dos Estados Unidos. O milho usado para 2020/21 na produção de etanol nos EUA acelerou, atingindo o nível mais alto em mais de um ano na semana passada. Além disso, como as estimativas de safra para o Brasil caíram, a China acelerou as compras de milho nova safra dos Estados Unidos, levando as vendas de milho nova safra a um recorde.

O ministro da Agricultura do Brasil declarou o primeiro alerta de emergência para seca em 91 anos, à medida que as chances de chuva diminuem nas principais áreas de milho. Maio é o início típico da estação seca no Brasil e com um volume de precipitação abaixo do normal nos últimos meses, as condições de seca, conforme mostrado pelo Índice de Secas Gro (GDI), não mostram sinais de diminuir.

A maior parte da safra de milho do Brasil é cultivada nos estados brasileiros centrais de Mato Grosso, Paraná, Mato Grosso do Sul e Goiás, como pode ser visto através do recurso Gro’s Crop Cover. Desde o final de março, a estimativa de rendimento de Mato Grosso caiu quase 10%, com base no modelo de previsão de rendimento de milho Brasil da Gro.

A atual safrinha do Brasil, ou segunda safra de milho, responde por 76% da produção total de milho do país e fecha a lacuna nas exportações mundiais antes da colheita dos EUA em setembro. Quedas de produção esperadas no Brasil colocaram grande pressão sobre a safra dos EUA para atingir rendimentos de milho acima da tendência. Você pode seguir o modelo de previsão de rendimento de milho dos EUA durante a temporada de Gro para obter leituras atualizadas sobre o fornecimento de milho dos EUA.

Esta intuição foi desenvolvido com a plataforma Gro, que permite a tomada de decisões melhores e mais rápidas sobre os fatores que afetam todo o ecossistema agrícola global. O Gro organiza mais de 40.000 conjuntos de dados de fontes ao redor do mundo em uma ontologia unificada, permitindo que os usuários obtenham informações valiosas como esta. Você pode explorar os dados disponíveis no Gro com uma conta gratuita ou entrar em contato se quiser mais informações sobre uma cultura, região ou assunto comercial específico.

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *