Brasil planeja programa piloto da CBDC para o segundo semestre de 2022

principais conclusões

  • O presidente do Banco Central do Brasil, Roberto Campos Neto, discutiu os planos da CBDC do país durante um evento em 11 de abril.
  • Neto sugeriu que a moeda digital do banco central do Brasil provavelmente será testada no segundo semestre de 2022.
  • No mês passado, o Brasil selecionou nove propostas de vários projetos parceiros para apoiar seus esforços de CBDC.

Compartilhe este artigo

O Brasil provavelmente iniciará seu programa piloto de CBDC no segundo semestre de 2022, de acordo com declarações do presidente de seu banco central.

CBDC será posto à prova este ano

Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central do Brasil, comentou sobre os planos do Brasil para uma moeda digital do banco central durante um evento Apresentado por TradersClub (TC) e Arko Advice em 11 de abril.

Lá, Neto sugeriu que um piloto da CBDC do país deve ocorrer no segundo semestre de 2022.

Neto disse que o banco estuda há muito tempo o processo que leva a uma CBDC, mas que as próximas etapas do projeto aumentarão exponencialmente o conhecimento do banco.

Neto disse que o projeto vai digitalizar o real brasileiro “sem gerar quebra nos balanços dos bancos”. Ele acrescentou que a moeda digital será garantida pelo real brasileiro e que os bancos poderão emitir stablecoins além dos depósitos.

Não está claro se o piloto disponibilizará o ativo ao público ou restringirá o ativo ao próprio banco.

Neto também comentou sobre a crescente popularidade das criptomoedas, afirmando que acredita que “não existe um banco central no mundo hoje que não esteja em processo de estudar uma moeda digital”.

Outros desenvolvimentos no Brasil

Embora as notícias de hoje sugiram que o CBDC do Brasil será testado antes do final do ano, relatórios anteriores sugerem que o ativo não estará completo e pronto para uso até 2024, no mínimo.

Além do piloto principal, o Brasil também selecionou nove propostas de projetos associados para apoiar seus esforços de CBDC.

O desenvolvimento da CBDC não é a única busca relacionada à criptomoeda do Brasil: o Rio de Janeiro planeja permitir que os moradores paguem impostos sobre a propriedade em Bitcoin a partir de 2023, de acordo com relatórios do mês passado. A cidade também planeja investir em criptomoedas diretamente de acordo com relatórios anteriores.

O Brasil também está sendo notado por empresas de fora do país. No mês passado, foi relatado que a Coinbase e a Binance estavam explorando a possível aquisição de várias empresas brasileiras de criptomoedas.

Divulgação: No momento da redação deste artigo, o autor deste artigo possuía BTC, ETH e outras criptomoedas.

Compartilhe este artigo

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.