‘Cartolouco’ admite ter atacado a ex-namorada em conversa com um amigo

A informação foi veiculada pelo “Uol Esporte”, com screenshots mostrando o diálogo entre o ex-repórter da TV Globo e o atual participante de A Fazenda com seu amigo.

O jornalista de “Cartolouco” Lucas Strabko admitiu ter agredido uma de suas ex-namoradas em uma conversa com um amigo no início deste ano. A informação foi veiculada pelo “Uol Esporte”, com screenshots mostrando as respostas do ex-repórter da TV Globo e atual participante da A Fazenda da TV Record.

Segundo a reportagem, duas de suas ex-namoradas relatam ter tido “relações abusivas, com traições, ofensas, violência física e moral”. O primeiro namoro começou em 2012 e o segundo terminou em 2019. “Amigos e uma testemunha ocular relatam pelo menos um caso em que Lucas agrediu essa segunda namorada”, publicou Uol.

Na conversa obtida pela web, Strabko diz que sofreu “durante anos” com a situação e é rebatido pelo amigo. “O que você poderia ter feito não era agredir sua namorada, cara.” Cartolouco responde: “Isso não justifica, mas eles também não podem me vencer.”

O portal também recebeu a confirmação de amigos próximos do casal e o cadastro da ex-namorada no Hospital Santo Amarado, no Guarujá, em São Paulo. Ela foi hospitalizada entre 6 e 7 de março de 2016.

Leia a conversa publicada:

Lucas Cartolouco: “É muito mais fácil para mim virar as costas para um amigo. Você acha que estou bem? Quão fácil é colocar tudo de volta na sua cabeça? Mas você faz o que quer, com a compreensão que deseja. Pense nos outros. Você realmente, ** Você realmente acha que eu queria fazer essa merda? Você acha que é fácil? Foi. Mas está tudo bem. “

Amigo: “Sei que não é fácil, mas não tenho relacionamento com ninguém que faça esse tipo de coisa, é simples. Você não pediu ajuda, manteve escondido até agora e caramba, você bateu nela mano, mais de uma vez.

Lucas: “Tudo bem. Você não precisa se relacionar, como eu vou entrar e dizer isso? Tenha empatia, coloque-se no meu lugar. Você acha que é fácil? Se eu estivesse cagando, não estaria trocando essa ideia com você. mas não acho justo você vir, conversar e desaparecer. Não te conheço há um mês e você conhece minha natureza. “

Amigo: “Essas coisas acontecem há anos, cara, se ninguém descobrir, nada muda para você. E realmente, eu não quero espalhar porque isso me SECA por dentro.”

Lucas: “E, simplesmente, eu poderia ter te virado e mentido para você. Mas eu não poderia fazer isso. Foi uma oportunidade de finalmente falar sobre isso com alguém que realmente é meu amigo. Nada muda para mim? Tem certeza do que está falando? Tem certeza de que essas paradas internas são boas? Como você pode dizer isso? Nada de errado? Dói há anos. “

Amigo: “O que você poderia ter feito não era agredir sua namorada, cara.”

Lucas: “Isso não justifica, mas eles também não podem me vencer.”

Amigo: “Eu já a tratei mal como uma vadia ** e fechamos os olhos, até protegemos você quando as minas dos nossos amigos estavam incomodando. Isso é péssimo, mano.”

You May Also Like

About the Author: Jonas Belluci Shinoda

"Viciado em Internet. Analista. Evangelista em bacon total. Estudante. Criador. Empreendedor. Leitor."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *