Chapecoense derrota Operário-PR na Arena Condá e se isola na liderança da Série B

A Chapecoense já está isolada na liderança da Série B do Campeonato Brasileiro. Na noite desta sexta-feira, o interior catarinense recebeu o Operário-PR, na Arena Condá, pela 18ª partida, e venceu por 1 a 0, com gol do atacante Anselmo Ramón, agora com sete gols.

Com a vitória, a Chapecoense chegou a 36 pontos, três a mais que o segundo classificado Cuiabá. América-MG, com 32, e Ponte Preta, com 27, completam a zona de acesso G4.

O Operário, com 22 pontos, perdeu a oportunidade de se aproximar da briga pelas primeiras posições e segue na 11ª colocação, quatro pontos acima do Figueirense, o que abre a zona de rebaixamento. Neste jogo estreou-se Matheus Costa, escolhido para substituir Gerson Gusmão.

Lutando pela liderança, esperava-se que a Chapecoense assumisse a liderança do jogo, e foi o que aconteceu no primeiro tempo. O time local tentou pressionar e trabalhar bem a bola com toques curtos, mas não conseguiu ativar os atacantes Lucas Tocantins e Anselmo Ramón.

Mais perto, o Operador apostava nos contra-ataques, mas teve dificuldade em quebrar a marca do adversário. Bem colocada, a Chapecoense conseguiu conter os ataques dos visitantes ainda no meio-campo. No entanto, a primeira etapa terminou sem movimentos perigosos.

No início da segunda etapa, a superioridade da Chapecoense finalmente se traduziu em um gol. Paulinho Moccelin ajustou Aylon, que cruzou no segundo poste. O atacante Anselmo Ramón traiu a marca e terminou na categoria atrás do gol.

No final, Ezequiel, que já tinha o cartão amarelo, perdeu Douglas Coutinho e foi expulso, deixando o time da casa com um a menos. O Operário cresceu e pressionou até o apito final, mas não conseguiu empatar o jogo.

O Operário volta a campo no próximo sábado, quando recebe o Botafogo-SP, no estádio Germano Kruger, em Ponta Grossa, pela 19ª rodada da Série B. O Chapecoense joga na manhã de terça-feira, em jogo no final da segunda de volta ao CSA. , na Arena Condá. Na última rodada da virada, a Chapecoense enfrenta o Confiança, em Aracaju, no domingo, 31 de outubro.

FICHA TÉCNICA

TRABALHADOR CHAPECOENSE 1 X 0

CHAPECOENSE – João Ricardo; Ezequiel, Derlan, Luiz Otávio e Alan Ruschel; Willian Oliveira, Anderson Leite e Aylon (Lima); Paulinho Moccelin (Guedes), Anselmo Ramon e Lucas Tocantins (Alan Grafite). Treinador: Umberto Louzer.

OPERÁRIO-PR – Thiago Braga; Sávio, Bonfim, Ricardo Silva e Peixoto (Fabiano); Leandro Vilela (Diego Cardoso), Marcelo e Thomaz (Clayton); Maranhão (Jean Carlo), Douglas Coutinho e Jefinho (Lucas Batatinha). Treinador: Matheus Costa.

META – Anselmo Ramon, 6 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Paulo César Zanovelli da Silva (MG).

CARTÕES AMARELOS – Ezequiel, Derlan e Anderson Leite (Chapecoense); Ricardo Silva e Maranhão (Trabalhador).

CARTÃO VERMELHO – Ezequiel (Chapecoense).

ALUGUEL E PÚBLICO – Jogo com portões fechados.

LOCAL – Arena Condá, em Chapecó (SC).

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa Esteves

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *