Chapecoense ‘novamente entre os gigantes’ após conquistar promoção à categoria mais alta do Brasil

Tendo sofrido rebaixamento para a Série B em 2019, Chape garantiu o retorno imediato à primeira divisão do Brasil

A Chapecoense está de volta “entre gigantes” no Campeonato Brasileiro depois de garantir a promoção da Série B na terça-feira.

Após apenas uma vitória em suas últimas cinco partidas, o Chape enfrentou o rival catarinense Figueirense na Arena Conda, sabendo que uma vitória o colocaria de volta à primeira divisão.

Eles foram rebaixados para o segundo escalão em 2019, tendo conseguido manter o status de primeira divisão por duas temporadas consecutivas, após um avião que transportava o time, dirigentes do clube e jornalistas para a final da Copa Sul-Americana de 2016 em Medellín. caiu, matando 71 pessoas a bordo. .

Chape também foi atingido em dezembro passado pela morte do presidente Paulo Magro por coronavírus. Ele começou a tentar tirar o clube de uma grave situação financeira após a renúncia de Plinio David de Nes Filho, que assumira após a tragédia na Colômbia.

Seus fundos serão reforçados depois que Paulinho Moccelin e Derlan marcaram nos dois lados do intervalo contra o Figueirense, com o Chape vencendo por 2 a 1 após Diego Gonçalves ter marcado de pênalti, mandando-os de volta para a Série A. com quatro jogos para jogar. .

De acordo com o comunicado do clube: “Não foi fácil chegar aqui. Foi muito mais difícil do que imaginávamos, na verdade. Mas com trabalho, humildade, dedicação, união e, acima de tudo, com FORÇA DE CIMA, a Chapecoense cumpriu sua promessa. A Chapecoense, feita para o povo, pelo povo, voltou ao lugar que nunca deveria ter saído.

“É Chape, do impossível, do surpreendente, da resiliência e da superação, novamente entre os gigantes.

“Você pode comemorar, torcedor. Você pode comemorar, presidente! Com 66 pontos e quatro jogos pela frente, selamos nosso passaporte. Nossa passagem de volta. O início de outra grande história.”

A seqüência de derrotas do Chape antes do confronto com o Figueirense fez com que entregassem a liderança para o América Mineiro, que tem um ponto de vantagem.

O técnico Umberto Louzer pediu aos jogadores que não festejem muito a promoção, pois espera que voltem ao Brasileirão como campeões.

“Podemos olhar para trás e ver que valeu a pena. Obrigado a todos que nos ajudaram a voltar à primeira divisão”, disse ele. SporTV.

“Ainda temos alguns jogos, vamos lutar contra o América pelo título. Temos que comemorar, mas descansar porque já temos que pensar no próximo adversário.”

O guarda-redes João Ricardo acrescentou: “Só quem esteve no grupo na época passada conhece os momentos difíceis.

“Mesmo em situações adversas, sempre acreditamos e demonstramos carinho pelo clube. Temos de dar os parabéns a todos. O clube mereceu voltar à Série A.”

O capitão do Chape, Alan Ruschel, único sobrevivente do acidente de avião que continua jogando profissionalmente, teve seu contrato prorrogado até o final da temporada interrompido por coronavírus no mês passado, mas não compareceu ao Figueirense devido a lesão.

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *