Com gol nas adições, Amrica busca o empate com a Ponte Preta para o primeiro jogo da quarta fase da Copa do Brasil

ELE América obteve um bom resultado em primeira partida da quarta fase da Copa do Brasil desenho 2-2 com o Ponte Negra, no estádio Moiss Lucarelli, em Campinas, na noite desta quarta-feira. A Macaca saiu na frente duas vezes, comandada por Moiss e Matheus Peixoto, mas Coelho buscou o empate com gols de Marcelo Toscano, aos 43 minutos do primeiro tempo, e de Felipe Azevedo, aos 47 minutos da última etapa.

A volta está marcada para a próxima terça-feira, dia 22, às 21h30, no Independência, em Belo Horizonte. Quem qualifica bolso R $ 2,6 milhões pela presença nas oitavas de final da Copa do Brasil. Até agora, a América venceu R $ 4,69 milhões no torneio.

Dos dez clubes da quarta rodada, cinco se juntarão aos 11 que passaram direto para a fase a eliminar Palmeiras, Flamengo, Grmio, Santos, Atletico-PR, Corinthians, Internacional e So Paulo, representantes do Brasil na Copa Libertadores; Força, campeão da Copa do Nordeste; Bragantino, vencedor do Srie B 2019; e Cuiab, que conquistou a Copa Verde no ano passado.

Ao contrário das edições anteriores, não há distinção de potes na rodada de 16 do Copa do Brasil 2020. Ou seja, existe a possibilidade de confrontos entre clubes que participaram da Libertadores.

O jogo

Para enfrentar a Ponte Preta, a América não poderia contar com Matheusinho, banido por lesões na coxa direita. Na véspera da partida, o clube informou que os defensores Messias e Eduardo Bauermann testou positivo para COVID-19 e também estaria fora. A técnica Lisca escalou as reservas Joseph e Anderson, além de optar por Marcelo Toscano no setor ofensivo.

Coelho até começou o jogo com mais posse de bola, mas foi a Ponte Preta quem abriu o placar em seu primeiro avanço. Aos 5 minutos, Bruno Rodrigues recebeu pelas costas da esquerda, desviou para Diego Ferreira e teve espaço para cruzar da linha de fundo. Anderson Ele tentou cortar a cabeça, mas não alcançou a rodada. Moisés, que estava acelerando na grande área, deu duro no canto direito de Matheus Cavichioli e correu para comemorar: 1 a 0.

O gol de Macaca não mexeu com Amrica, que se recuperou rapidamente no jogo e mostrou tranquilidade para trabalhar a bola no ataque. De acordo com SofaScore, a equipe de mineração tinha 59% de posse na fase inicial e finalizou nove vezes – contra quatro do adversário.

De todas as tentativas, o gol do empate, aos 43 minutos, foi originado por falta do lateral esquerdo da Ponte Pretan, Guilherme Lazaroni. Ele foi desarmado em defesa por Os Passos, que acelerou o jogo e percebeu as penetrações de Rodolfo e Marcelo Toscano. O toque final no calcanhar foi a camisa 10; ainda havia um desvio no Apodi: 1 para 1. O retorno americano chegou perto aos 44 minutos, mas o goleiro Ivan procurou a bola no canto e prolongou a tentativa de Al.

Se no primeiro tempo o América teve um desempenho superior, na fase final a Ponte Preta acertou com as substituições feitas pelo treinador Sim brigatti. Colocou Ernandes na lateral esquerda, Bruno Reis no meio-campo e Luan Dias na frente. As mudanças deixaram o duelo equilibrado no meio do campo e dificultaram a passagem de Coelho.

Em rara oportunidade na fase complementar, a Ponte saiu na frente aos 29 minutos com um cabeceamento de Matheus Peixoto, após nova assistência de Bruno Rodrigues: 2 para 1. Assim como no primeiro gol, o ataque das instalações prevaleceu à defesa americana no ar.

Nos minutos finais, o América intensificou a pressão com a entrada de Vito, que juntou Neto Berola, Felipe Azevedo e Al. Apesar de receber um passe forte aos 47 minutos, o jovem de 20 anos acreditou na jogada, chegou à linha de fundo e jogou de costas. Bem posicionado, Azevedo consagrou o retorno ao gramado após se recuperar de uma lesão com o empate: 2 a 2. O terceiro gol de Coelho não veio porque Ivan, o goleiro da Ponte, fez grande defesa ao chutar Vito aos 48 minutos.

BLACK BRIDGE 2X2 AMRICA

PONTE PRETA

Ivan; Apodi, Wellington Carvalho, Alisson e Guilherme Lazaroni (Ernandes, no intervalo); Dawhan (Bruno Reis, ao intervalo), Oyama e João Paulo (Osman, aos 33min do 2º tempo); Moiss (Luan Dias, no intervalo), Bruno Rodrigues e Matheus Peixoto (Z Roberto, aos 38min do 2º tempo)

Técnico: Sim brigatti

AMRICA

Matheus Cavichioli; Diego Ferreira, Joseph, Anderson e João Paulo (Svio, 20 minutos do 2º Q); Z Ricardo, Juninho e Al; Marcelo Toscano (Felipe Azevedo, aos 22min do 2º Q), Lo Passos (Neto Berola, aos 22min do 2º Q) e Rodolfo (Vito, aos 43min do 2º Q)
Técnico: Lisca

Metas: Moiss, 5 minutos após o 1º Q; Matheus Peixoto, a 29 minutos do 2º T (Ponte Preta); Marcelo Toscano, 43 minutos do 1º Q; Felipe Azevedo, 47 minutos do 2º Q (América)

Cartões amarelos: Guilherme Lazaroni, aos 35min, Dawhan, aos 40min do 1º Q; Wellington Carvalho, 6min da 2ª T (Ponte Preta)

Razão: primeira partida da quarta fase da Copa do Brasil

Estude: Moiss Lucarelli, em Campinas

Dados: Quarta-feira, 16 de setembro de 2020

juiz: Lixeiras Daniel Nobre (RS)

Assistentes: Lcio Beiersdorf Flor e Andr da Silva Bitencourt (ambos do RS)

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa Esteves

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *