Com um gol de pênalti solitário, o Santa Cruz vence o Botafogo-PB e se aproxima da classificação

Arruda foi palco de um típico jogo do Santa Cruz nesta Série C. Com dificuldades na criação, a equipe contou com um pênalti, batido por Didira no primeiro tempo, para selar a vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo-PB. Com a vitória, o Tricolor chegou a 27 pontos, valor que praticamente garante a antecipada classificação coral na segunda fase da Série C.

Outro elemento que marcou o jogo foram as três substituições por lesão. No primeiro tempo, Belo perdeu Higor Leite e Lus Gustavo, enquanto o estreante Luiz Fernando deixou o Papai Noel nos minutos finais. Agora, para redescobrir o bom futebol e ampliar a vantagem dos 10 pontos no G4, o Tricolor retorna a campo às 17h deste sábado, contra a lanterna Imperatriz, no Maranho.

O JOGO

Em um primeiro tempo marcado por um jogo aberto e disputado, Santa Cruz e Botafogo tiveram boas oportunidades. O time de Paraiban ainda conseguiu fazer jogadas mais perigosas, mas quando Kellyton atropelou Jderson na pequena área, ainda aos 15 minutos, o pênalti foi o diferencial do Tricolor. Didira acertou na esquerda e Felipe caiu do outro lado.

Com a vantagem no placar, o jogo ficou mais paralisado, após duas alterações por conta de lesão no Botafogo. Mas quando o ritmo voltou, o jogo redescobriu a técnica que tinha no início, com equilíbrio e mais perigo dos paraibanos, que quase empataram aos 35, quando Cristian acertou o canto da área para boa defesa do estreante coro Luiz Fernando .

SEGUNDO TEMPO

Apenas quatro minutos após o intervalo, o meio-campista Juninho Silva, ex-Santa, na entrada da área, finalizou com um chute do meio forçando a grande defesa de Luiz Fernando. O goleiro do coral também viu outros ataques do Botafogo, antes que o Papai Noel voltasse a correr perigo, aos 10 minutos, com Per e depois com Loureno. Mesmo assim, a saída do Botafogo do jogo foi mais produtiva, conseguindo criar jogadas mais ofensivas.

Buscando um jogo mais rápido, o Santa Cruz teve mais dificuldade para chegar ao ataque. Quando o Tricolor conseguiu acelerar suas jogadas, ficou ainda mais perigoso, mas demorou mais para a equipe manter aquele bom ritmo. Assim, Luiz Fernando ainda teve mais trabalho para sair de campo lesionado, aos 41, devido à entrada de Jordânia. E assim, sem conseguir encerrar o jogo, o Papai Noel continuou até o final da fase final quente.

FOLHA DE JOGO

Santa Cruz 1

Luiz Fernando (Jordânia); Toty, Danny Morais, William Alves e Per (Leonan); Bileu, Paulinho (Andr) e Didira; Loureno (Tinga), Jderson (Kleiton Pego) e Pipico. Técnico: Marcelo Martelotte.

Botafogo-PB 0

Philip; Kellyton (David Miranda), Lus Gustavo (Donato), Rodrigo e Christianno (Mrio); Vitinho, Juninho, Higor Leite (Mineiro) e Rodrigo Andrade; Cristian (Rhuan) e Ramon. Técnico: Rogrio Zimmermann.

Local: Estádio Arruda

Metas: Didira (17 ‘/ 1º T)

Cartões amarelos: Kellyton, Felipe, Vitinho (BOT), Loureno e Luiz Fernando (SAN)

Arbitragem: Leonardo Sgari Zanon (PR)

Assistentes: Luciano Roggenbaum (PR) e Jefferson Cleiton Piva da Silva (PR)

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa Esteves

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *