Compositor brasileiro Jobim Heirs chega a acordo com a Universal Music em 2005 caso SDNY

Compositor brasileiro Jobim Heirs chega a acordo com a Universal Music em 2005 caso SDNY

Por Matthew Russell Lee, Patreon
BBC
GRAMAuardian uk
Honduras
ESPN


SDNY COURTHOUSE, 8 de dezembro – Os herdeiros do compositor brasileiro Jobim processaram a Universal Music Publishing Group por não pagamento dos royalties devidos.

Em 5 de agosto, o juiz Lewis J. Liman, do Tribunal Distrital dos Estados Unidos para o Distrito Sul de Nova York, realizou um processo. A Inner City Press deu cobertura.

O juiz Liman disse que este é o caso mais antigo em seu arquivo. Foi arquivado em 2005.

O advogado disse que agora, dezesseis anos depois, o assentamento está virando a esquina, o que leva tempo porque envolve dezenas de territórios.

Um dos herdeiros, notou-se, está em Portugal. Mas agora eles disseram que finalmente será resolvido.

Em 7 de dezembro, um dia antes de um breve procedimento por telefone também coberto pela Inner City Press, as partes escreveram que “chegaram a um acordo estabelecendo esta ação”.

O caso é, ou foi, Jobim et al v. Universal Studios, Inc. et al., 05-cv-3527 (Liman)

***

Seu apoio significa muito. Tão pouco quanto $ 5 por mês nos ajuda a continuar e dá a você acesso a materiais de bônus exclusivos em nossa página do Patreon. Clique aqui para se tornar um patrocinador.

Comentários: Editorial [at] innercitypress.com
SDNY 480 Redação, cubículo frontal
500 Pearl Street, NY NY 10007 EUA

Correio: Box 20047, Dag Hammarskjold Station NY NY 10017

Celular do repórter (e fins de semana): 718-716-3540


Outras impressoras Inner City mais antigas estão listadas aqui, com algumas disponíveis no serviço da ProQuest e agora na Lexis-Nexis.

Copyright 2006-2021 Inner City Press, Inc. Para solicitar uma reimpressão ou outra permissão, entre em contato com o Editor [at] innercitypress.com

You May Also Like

About the Author: Jonas Belluci

"Viciado em Internet. Analista. Evangelista em bacon total. Estudante. Criador. Empreendedor. Leitor."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *