Comunicado de imprensa conjunto sobre a 8ª Reunião da Comissão Mista Brasil-Índia (24 de agosto de 2022)

A 8ª Reunião da Comissão Mista Brasil-Índia (JCM) foi realizada em Brasília, co-presidida pelo Sr. Carlos Alberto Franco França, Ministro das Relações Exteriores do Brasil, e Dr. S. Jaishankar, Ministro das Relações Exteriores (EAM). da Índia em 24 de agosto de 2022.

2. A EAM recordou a visita de Estado do Exmo. Jair Bolsonaro à Índia de 25 a 27 de janeiro de 2020, quando foi o principal convidado das comemorações do Dia da República. Os resultados da visita serviram de base para um maior engajamento entre as duas nações. Ele também agradeceu ao presidente Bolsonaro por prestigiar as comemorações do 75º aniversário em 15 de agosto a bordo do INS Tarkash com sua presença.

3. A Parceria Estratégica estabelecida em 2006 aprofundou-se ao longo dos anos para abranger diversos setores. A associação é baseada em valores democráticos compartilhados, uma visão global semelhante e um compromisso de promover o crescimento econômico com inclusão social e desenvolvimento sustentável para o bem-estar de seu povo. Os dois países também cooperam amplamente em organizações multilaterais, incluindo as Nações Unidas, e fóruns plurilaterais como o G20, BRICS, IBAS, BASIC e G4.

4. Os dois Ministros discutiram toda a gama de relações bilaterais. Eles revisaram as relações comerciais e econômicas e expressaram satisfação com o aumento constante do comércio bilateral, apesar dos desafios impostos pela pandemia do COVID-19. O comércio bilateral total aumentou 63,5% para US$ 11,53 bilhões em 2021 em relação ao ano anterior, com a Índia se tornando o quinto maior parceiro comercial do Brasil. Ressaltaram o grande potencial de crescimento e diversificação do comércio bilateral e instaram o setor privado a explorar oportunidades nos respectivos mercados.

5. Os Ministros enfatizaram a importância de realizar a 6ª Reunião do Mecanismo de Monitoramento do Comércio Índia-Brasil (TMM) em Brasília o mais rápido possível para discutir questões relacionadas ao comércio bilateral. Além disso, os dois Ministros também manifestaram seu apoio à expansão antecipada do escopo do Acordo de Comércio Preferencial Índia-MERCOSUL.

6. Os Ministros reconheceram a importância da produção e comércio agropecuário para o desenvolvimento e a segurança alimentar. Nesse sentido, saudaram a disposição das autoridades competentes de ambos os países de estabelecer um comitê técnico sobre comércio agrícola, com o objetivo de abordar questões específicas de acesso a mercados, medidas sanitárias e fitossanitárias e sistemas regulatórios, e trocar informações, experiências e experiências . neste campo.

7. O Ministro das Relações Exteriores da Índia destacou os investimentos brasileiros em áreas como serviços e equipamentos de TI, máquinas, energia, autopeças, produtos de defesa, fintech e materiais para saúde. O chanceler brasileiro reconheceu que um número significativo de empresas indianas vem investindo no Brasil em setores como petróleo, mineração, engenharia, fabricação de tratores, tecnologia da informação, farmacêutico, agroquímico e transmissão de energia. Os dois ministros concordaram com o potencial de expansão dos setores em que as empresas investiram tanto no Brasil quanto na Índia.

8. Os Ministros saudaram a assinatura do Protocolo que altera a Convenção para Evitar a Dupla Tributação e Prevenção da Evasão Fiscal em Matéria de Impostos sobre a Renda (Protocolo da Convenção sobre Dupla Tributação) entre Brasil e Índia, que deve aumentar a competitividade de empresas e incentivar novos investimentos entre os dois países.

9. Ambos os lados expressaram satisfação com o recente progresso na cooperação bilateral na produção de etanol, pecuária e desenvolvimento de laticínios. Eles também expressaram um forte desejo de aumentar o nível de cooperação em defesa, ciência e tecnologia e áreas relacionadas à saúde. Nesse sentido, o lado brasileiro agradeceu ao Governo da Índia pelo fornecimento de vacinas contra a COVID-19 durante a pandemia.

10. A este respeito, ambos os Ministros observaram com satisfação os progressos realizados no campo da cooperação em bioenergia e biocombustíveis. Referiram-se à visita do Ministro de Minas e Energia brasileiro à Índia em abril de 2022 e ecoaram a decisão tomada naquela ocasião de continuar trabalhando para o estabelecimento de uma Aliança Índia-Brasil para Bioenergia e Biocombustíveis. Reconheceram o potencial para uma maior cooperação neste setor, bem como seu importante papel para alcançar o desenvolvimento sustentável.

11. Os dois Ministros valorizaram a estreita coordenação entre os dois países no Conselho de Segurança das Nações Unidas em 2022, quando ambos os países coincidiram como membros eleitos. Também reafirmaram a necessidade urgente de uma reforma abrangente do Conselho de Segurança da ONU, especialmente sua expansão em categorias permanentes e não permanentes, para torná-lo mais representativo, eficaz e responsivo aos desafios contemporâneos à paz e segurança internacionais.

12. Ambos os Ministros destacaram a importância do G20 e concordaram em cooperar estreitamente durante as próximas presidências da Índia (2023) e do Brasil (2024).

13. Os Ministros França e Jaishankar concordaram em dar novo impulso ao IBAS, que reúne Índia, Brasil e África do Sul, três grandes sociedades democráticas, pluralistas e diversas de três continentes, em prol dos interesses do mundo em desenvolvimento e da cooperação Sul-Sul . Sul. . Ambos os ministros também saudaram a cooperação no âmbito do BRICS, que trouxe resultados significativos para ambos os países desde o seu início.

14. Os Ministros saudaram a assinatura do Memorando de Entendimento entre a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) e Prasar Bharati, Índia, para troca de seus próprios conteúdos produzidos para diversas plataformas. Ambos os ministros lembraram ainda o Programa de Intercâmbio Cultural 2020-2023 e saudaram a organização de atividades culturais sob seus auspícios, em especial a exposição “Brasília 60+ e a construção do Brasil moderno”, em Nova Delhi, de maio a julho de 2022, bem como como a realização de muitas atividades sob Azadi Ka Amrit Mahotsav (série de eventos organizados pelo Governo da Índia para comemorar o 75º aniversário da independência) a partir de março de 2021.

15. Ambos os Ministros trocaram felicitações pelo 75º Aniversário da Independência da Índia (15 de agosto) e pelo Bicentenário da Independência do Brasil (7 de setembro), pois a reunião ocorreu próximo a essas datas auspiciosas. Na ocasião, o Correio Brasileiro lançou um selo comemorativo especial para comemorar os 75 anos da independência da Índia. Afirmaram também que esperam comemorar em 2023 o 75º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas.

16. Os Ministros destacaram a importância do mecanismo da Reunião da Comissão Conjunta e concordaram em realizar a próxima reunião na Índia em 2024 em uma data mutuamente conveniente.

Brasília
24 de agosto de 2022

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.