Contra o Paraguai, Argentina busca a terceira vitória consecutiva e tenta se manter 100%

Cheio de duas vitórias em seus primeiros jogos no Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo Qatar 2022, uma Argentina tente manter 100% de sucesso na competição. Dirigido por Lionel Messi, o time enfrenta Paraguai nesta quinta-feira, às 21h (horário de Brasília), em La Bombonera.

A Argentina, junto com a Seleção Brasileira, venceu as duas primeiras partidas na competição. O time comandado por Lionel Scaloni é o segundo colocado, atrás apenas do Brasil por ter um saldo de gols menor (7 contra 2). A trajetória até agora conta com duas vitórias, sobre o Equador (1 a 0), em Buenos Aires, e a Bolívia (2 a 1), em La Paz. Este último triunfo quebrou um tabu de 15 anos sem vencer no auge boliviano.

A seleção paraguaia soma quatro pontos, resultado do empate de 2 a 2 com o Peru na estreia e da vitória por 1 a 0 sobre a Venezuela na próxima partida. Os paraguaios aparecem em quarto lugar.

A Argentina não terá mais a lesão de Sergio Agüero, do Manchester City, e nem o corte de Dybala, da Juventus, devido a uma infecção urinária. A novidade é o retorno de Ángel Di María, que ficou de fora da primeira convocação. O meio-campista do Paris Saint-Germain deve começar o jogo no banco.

Com isso, os triunfos em busca do terceiro triunfo no torneio são o craque Lionel Messi e o atacante Lautaro Martínez, que vive uma grande fase no Inter de Milão. Ambos ficaram com dúvidas por problemas físicos, mas não estão preocupados. Segundo a Associação Argentina de Futebol (AFA), não há casos de coronavírus no plantel.

Vai ser um jogo muito difícil. O Paraguai sempre foi um adversário difícil. E agora vem muito bem “, disse o treinador Lionel Scaloni.” Temos que continuar mostrando que podemos competir. O início positivo nos dá mais confiança, mas termina até o início do jogo ”, acrescentou.

Os paraguaios venceram os últimos três jogos fora de casa nas Eliminatórias Sul-Americanas, considerando a última edição: 3-0 contra o Chile, 2-1 contra a Colômbia e 1-0 contra a Venezuela. Já a equipe do zagueiro Gustavo Gómez, do Palmeiras, do Atlético Junior Alonso e do ex-Corinthians Balbuena e Romero, busca ampliar essa sequência, a maior de sua história na competição.

O outro duelo desta quinta-feira será entre Bolívia e Equador. A partida, disputada no estádio Hernando Siles, em La Paz, abre a terceira jornada das Eliminatórias Sul-americanas. A seleção boliviana tem a pior campanha da competição, já que perdeu os dois primeiros jogos, marcou sete gols, sendo cinco do Brasil, e marcou apenas um.

O Equador já está atrás da segunda vitória. O primeiro foi vencido pelo Uruguai, por 4 a 2, na última rodada. Na estreia, a seleção equatoriana foi derrotada por 1 a 0 pela Argentina. Assim, ele soma três pontos e ocupa a quinta colocação.

You May Also Like

About the Author: Ivete Machado Castilho

"Introvertido. Leitor. Pensador. Entusiasta do álcool. Nerd de cerveja que gosta de hipster. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *