Copa do Mundo 2022. Argentina sorteada pelo VAR empata com Paraguai – Observer

Na quinta-feira, a Argentina sofreu os primeiros pontos da classificação sul-americana para a Copa do Mundo de 2022, Empate 1-1 contra o Paraguai, em um La Bombonera sem audiência, um encontro da terceira rodada.

Depois dos triunfos tangenciais na recepção ao Equador (1-0) e à Bolívia (2-1), a equipa de Lionel Scaloni, com o Benfica Otamendi nos onze, falhou a terceira vitória, num jogo em que foi anulado para o VAR. segundo gol, que seria a mudança, aos 58 minutos.

A equipe paraguaia entrou muito bem no jogo e avançou aos 22 minutos, em cobrança de pênalti convertido por Ángel Romero, após falta de Martínez Quarta sobre Miguel Almirón.

Aos 29 minutos, a Argentina perdeu Exequiel Palácios, por lesão, mas venceu com a entrada de Giovani Lo Celso, que, aos 41 minutos, fez o escanteio da esquerda, que permitiu a Nicolás González, a novidade nos onze, gravata na cabeça. .

No segundo tempo, o time local dominou completamente o jogo, contra um Paraguai interessado apenas em defender, e, aos 49 minutos, Lautaro Martínez ganhou a bola na ‘corrida’ e ficou isolado, mas chutou muito mal.

No minuto 58, a Argentina chegou ao segundo gol, de Lionel Messi, para finalizar com o pé esquerdo a melhor jogada dos cariocas na partida, entre González e Lo Celso, protagonistas do primeiro gol, mas o VAR revelou uma suposta falta no início da jogada, que o árbitro confirmou após ver as imagens.

Apesar da decepção com o gol anulado, o celestial albi continuou, até o final, em busca da vantagem do goleador, mas Lautaro falhou aos 66 e 69 minutos e Messi também não cobrou falta. sozinho no bar, em 72.

Com este empate, a Argentina se isolou provisoriamente na liderança da tabela, com sete pontos, ante seis do Brasil, que a Venezuela recebeu de José Peseiro nesta sexta-feira. Já o Paraguai saltou, na condição, para a quarta colocação, com cinco.

Igualmente aos brasileiros está, provisoriamente, o Equador, que na primeira partida da rodada venceu a Bolívia por 3 a 2 em La Paz, graças a um pênalti convertido por Carlos Gruezo, aos 88 minutos.

Os cariocas marcaram primeiro e chegaram ao intervalo na frente, com um gol de Juan Carlos Arce aos 37 minutos, mas no início do segundo tempo, Beder Caicedo, aos 46, e Ángel Mena, aos 55, deram a volta por cima. Resultado.

Apenas cinco minutos depois, Marcelo Moreno empatou o resultado, mas o Equador acabou chegando ao terceiro gol, em partida em que teve o ‘leão’ Gonzalo Plata aos 71 minutos, quando substituiu Beder Caicedo.

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa Esteves

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *