Coronavírus: a vacina levará 18 meses

JBr.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) disse na sexta-feira 27 que existem mais de meio milhão de casos confirmados de coronavírus relatados à entidade, com mais de 20.000 mortes, e novamente alertou sobre a necessidade de os países fazerem isso. Mais testes para controlar a doença. O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse em entrevista coletiva que uma vacina contra o coronavírus ainda deve levar “pelo menos 18 meses”, mas observou que os testes estão em andamento.

O comando da OMS informou que pacientes da Espanha e da Noruega já estão envolvidos nos testes que estão sendo realizados.

Remédios

No entanto, Ghebreyesus insistiu que as pessoas não devem usar medicamentos que não demonstraram ser eficazes, dados os riscos à saúde desse comportamento.

Ele também lembrou que participou na quinta-feira 26 de uma videoconferência com os líderes do G-20. Ele agradeceu às nações por seu compromisso de combater a pandemia e elogiou o esforço global nessa causa.

Evidência

A OMS insiste na importância de os países realizarem testes para identificar casos, isolar os positivos e tratar os casos mais graves. “Muitos países mostram que o vírus pode ser controlado com medidas agressivas” a esse respeito, afirmou a organização. “O coronavírus pode causar doença leve, moderada, grave ou fatal”, lembrou a OMS, observando que a doença é “significativa” porque causa “doença grave em muitas pessoas”.

Crianças

Mesmo para crianças, onde a maioria desenvolve doenças menores, há relatos de casos graves, alertou a OMS.

Importância da distância

A organização também lembrou que a doença já está transmitida em seus estágios iniciais, razão pela qual a importância do desapego para conter infecções. “A distância física é recomendada para impedir que o vírus passe de uma pessoa para outra”, disse a OMS.

Status do conteúdo

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.