Crise? Carros acima de R $ 200 mil multiplicam vendas em quarentena – 10/08/2020

Porsche tem batido recordes de vendas no brasil. Em junho, o BMW vendeu mais do que marcas como Mitsubishi, Peugeot, Citroën e Caoa Chery. O mês de julho trouxe ainda mais surpresas para o segmento de modelos de luxo, que vem surpreendendo pelas vendas acima da média neste período de isolamento social.

O que mais se destaca é o desempenho de alguns carros extremamente luxuosos. Em julho, a linha Range Rover tinha 114 placas, um número alto para uma gama que inclui o melhor SUV da Land Rover, o Range Rover Vogue.

Esse número também inclui o Range Rover Sport e o Velar, mas não o Evoque, que teve 185 placas no mês passado. Desse grupo, o modelo mais barato (o Velar) sai a partir de R $ 442.850.

O fenômeno mais marcante é o observado em relação ao Porsche 911, carro cuja versão mais acessível, o Carrera, custa R $ 519 mil. O esportivo obteve vendas muito altas nos últimos três meses.

Em julho o modelo teve uma ligeira queda, com 62 placas. Em junho, ele obteve uma cifra impressionante para um carro com preços tão altos e parte do segmento esportivo, nem tão pronto para o uso diário em hipótese alguma. 126 unidades foram vendidas.

No caso do 911, o fato de o modelo ter cauda longa e ser vendido sob encomenda contribui para o bom desempenho. As reservas feitas há meses, entregues agora, não estão sendo liberadas pelo cliente na hora do fechamento da compra.

Os clientes da Porsche têm a garantia de pagar o preço acordado ao fazer o pedido. Por enquanto, não há muita diferença, já que a marca não mudou de mesa desde o início da pandemia.

No entanto, isso pode mudar a qualquer momento, já que o dólar continua a ter um preço muito alto. Mais um incentivo para quem tem muitas reservas para garantir a compra.

BMW 3 Series

Embora não esteja no segmento de luxo extremo, como os dois mostrados acima, o BMW Série 3 também é notável por seu desempenho de vendas nos últimos meses. Com preço inicial de R $ 226.950, o modelo voltou a ter mais de 500 placas em julho.

Adicionando 320i, 0 330i e 330e, 527 unidades foram registradas. Os dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). O número coloca o BMW muito próximo do Jetta, que somou 664 exemplares vendidos, e não muito longe do Cruze (904).

O carro Volkswagen custa a partir de R $ 99.990 e o carro Chevrolet custa a partir de R $ 105.290.

Vendas de marcas de luxo

Em julho, a BMW liderou o segmento de veículos premium com 1.381 placas. Além do Série 3, o X1 também se sai muito bem em vendas, ficando em primeiro lugar na categoria de SUVs de luxo.

Com 743 unidades, a Mercedes-Benz ficou em segundo lugar, ligeiramente à frente da Volvo. Com 691 exemplares vendidos, a marca sueca faz um bom progresso graças à dupla XC40 e XC60.

A Land Rover ultrapassou a Audi pelo quarto lugar, e as vendas do Range Rover contribuíram muito para esse desempenho. Os britânicos tinham 634 unidades registradas no mês passado e os alemães 595.

You May Also Like

About the Author: Jonas Belluci Shinoda

"Viciado em Internet. Analista. Evangelista em bacon total. Estudante. Criador. Empreendedor. Leitor."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *