Crivella e Paes participam do último debate na televisão antes do 2º turno; ver propostas | Eleições de 2020 no Rio de Janeiro

Os dois candidatos à Prefeitura do segundo turno, Eduardo Paes (DEM) e Crivella (republicanos), participaram do debate promovido pela TV Globo na noite desta sexta-feira (27).

Ao longo de uma hora e seis minutos, os candidatos discutiram propostas, mas eles também insistiram em ataques, o que levou a cinco direitos de resposta concedido pela gestão do programa.

  • Veja o que Paes e Crivella disseram após o debate

Veja a discussão completa:

Debate Eleições 2020 – Rio de Janeiro – Abrangente

O encontro foi mediado pela jornalista Ana paula araújo e foi dividido em três blocos:

  1. Tema grátis;
  2. Tema definido por sorteio;
  3. Tema livre e disposições finais.

Em cada bloco, um candidato podia fazer duas perguntas ao oponente.

Veja os blocos completos:

VÍDEO: Debate Eleitoral 2020 - Rio de Janeiro - Primeiro Bloco

VÍDEO: Debate Eleitoral 2020 – Rio de Janeiro – Primeiro Bloco

Luta contra a pobreza: Crivella disse que “melhorou a merenda escolar e a creche”. “Fiz um hospital de campanha e disponibilizei 1.000 quartos na época da pandemia”, disse ele.

Em resposta, Paes prometeu “dar boas-vindas aos sem-teto”. “Serão 3 mil novas vagas nos centros de acolhimento. Vamos fortalecer o cartão Família Carioca […] e vamos reabrir restaurantes populares. ”

Carnaval: Paes disse que a festa “é um evento popular, nosso evento cultural mais importante”. “Traga recursos e turistas para a cidade […] Então, vamos ajudar as escolas, vamos ajudar as creches, vamos ter acesso aos grupos, tanto quanto possível ”, completou.

“Eu respeito muito o samba”, disse Crivella. “O carnaval popular, no Intendente Magalhães, dobrei o recurso. Fiz o calendário do samba, são 400, que são realizados quase todas as semanas na cidade”.

VÍDEO: Debate Eleitoral 2020 - Rio de Janeiro - Segundo bloco

VÍDEO: Debate Eleitoral 2020 – Rio de Janeiro – Segundo bloco

Os tópicos selecionados foram diversidade, transporte, Educação mim empregos. Saúde, habitação, segurança e corrupção ficaram de fora.

Educação: Paes disse que acrescentou “250.000 crianças tendo aulas em tempo integral”. “Colocaremos mais 100.000 crianças em tempo integral”, prometeu. O ex-prefeito também citou o “Programa 2 em 1”. “Vamos fortalecer a escola, vamos permitir que as crianças recuperem esse ano perdido no próximo ano”.

Crivella disse que as taxas de abandono em seu governo são menores e as taxas de aprovação são maiores. “Coloquei a internet em todas as escolas, todas hoje têm wi-fi grátis, e agora, durante a pandemia, abrimos a internet para os alunos e contratamos alunos para o horário das aulas na TV”.

VÍDEO: Debate Eleitoral 2020 - Rio de Janeiro - Terceiro Bloco

VÍDEO: Debate Eleitoral 2020 – Rio de Janeiro – Terceiro Bloco

Saúde: Crivella afirmou que o mais importante na policlínica “são os exames”: “Agora vamos fazer as três clínicas de hemodiálise”.

Paes prometeu construir “23 clínicas especializadas e 13 centros de exames até 2023”: “Vamos reduzir o tempo do Sisreg pela metade.”

Crivella: “Lamento profundamente que o eleitor do Rio de Janeiro tenha que ver um debate como este, mas é meu dever, como prefeito. Eu me escolhi para cuidar do povo e peço que me permita cuidar do povo até toda a população de Rio. Se vacinar contra o coronavírus. Já tratamos 130 mil pessoas e quero continuar com esse trabalho, por isso peço o seu voto. Não tenho interesse pessoal, quero cuidar das pessoas ”.

Paes: “O domingo acho que é um dia decisivo na história da cidade: temos a oportunidade de nos livrarmos do pior prefeito da história do Rio. Temos a oportunidade de nos livrarmos de uma administração que era quieta, que era incompetente, que não funcionava. na vida das pessoas. Isso piorou a vida das pessoas. Ele foi escolhido dizendo que ia cuidar da vida das pessoas e isso só piorou. Você não tem essa história vencedora. Eu quero pedir a todos que parem de votar. Temos que dar um voto. não contundente. Diga “Crivella, nunca mais!” Esse tipo de pessoa não pode assumir a Câmara Municipal do Rio.

Como prevenção à Covid-19, o programa desta sexta-feira passou por algumas modificações em comparação com os debates eleitorais anteriores.

Não houve audiência. Cada candidato só poderia chegar à estação, no Jardim Botânico, acompanhado de apenas um conselheiro.

Na entrada, todos eles se submeteram a uma medição de temperatura – se um dos candidatos tem uma temperatura mais alta 37,5ºC, o debate será cancelado. Se um assistente tiver febre, ele deve ser substituído.

Os candidatos só puderam ficar sem máscara durante o programa. Então, eles foram instalados barreiras acrílicas claras para prevenir qualquer risco de contaminação.

Barreira acrílica no estúdio de debates na noite desta sexta-feira (27) – Foto: Marcos Serra Lima / G1

VÍDEOS: Funciona assim: entender as eleições municipais de 2020

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *