Dica # 6: Você pode “acalmar seu cérebro” diante da incerteza? Neurocientista explica – 04/04/2020

Crispr pode curar doenças graves e até aumentar o pênis, mas há um dilema ético 28/03/2020

Em uma época de pandemia, o escritório em casa tornou-se a rotina de trabalho daqueles que podem trocar o escritório pela casa. Os aplicativos de gerenciamento de reuniões e tarefas on-line aparecem como a salvaguarda para manter a empresa funcionando, mas o melhor aliado para um trabalho realmente produtivo pode ser a neurociência.

Para entender a relação do cérebro com padrões comportamentais, com erros e sucessos, e até com inteligência artificial e a capacidade de automatizar a inovação, convidamos um neurocientista para o sexto episódio do podcast de ciência e tecnologia, o “Deu Tilt” (ouça o programa anterior). Nele, o colunista Ricardo Cavallini, Cava, conversa com Carla Tieppo, médica em neurofarmacologia do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo (USP), pioneira na aplicação da ciência do cérebro no desenvolvimento organizacional e humano.

“O fato de não podermos mais levar nossas vidas como antes, essa quebra de rotina nos coloca nesse lugar de incerteza, que atinge um volume absurdo. Porque tudo o que fizemos, todas as certezas, todos os planos entraram em colapso. de um dia para o outro, é muito dramático. Fundamentalmente, o que as pessoas precisam é reconstruir seus planos, idéias e convicções agora, diante de um clima em que não sabemos o que acontecerá na próxima semana. “ele explica. (a partir de 11:46)

“A mente humana gosta de ter esse controle, previsibilidade, consistência, automatismo. Isso está perdido, então o que podemos fazer? Podemos colocar o gerenciamento emocional a serviço da dinâmica do cérebro, que é o que é mais importante.” necessidades hoje. pessoas do dia. As emoções têm um papel muito claro, mas isso se deteriorou, se depreciou devido às desculpas que damos à racionalidade “.

Para aqueles que pensam que o escritório em casa está trabalhando de pijama, a cena real, pelo menos a produtiva, está muito longe disso. Cava perguntou ao neurocientista como criar mecanismos mentais para esse tipo de trabalho. (ouvir de 34:00)

Tieppo alertou que é importante criar uma rotina em casa semelhante à vivida ao ir trabalhar no escritório e tomar cuidado para não misturar canais. “Não use esse espaço que você usa para entretenimento e depois use-o também para o trabalho, porque ele combina a dinâmica do seu cérebro. Você precisa se encaixar nessa tarefa do trabalho como antes. Caso contrário, tudo parecerá férias ou será como você está fazendo as coisas porque está trabalhando, mas não está e há pouco comprometimento “, explicou o neurocientista.

Se o isolamento pode ser uma coisa ruim nesses tempos de confinamento, Carla reforça que as reuniões on-line devem ir além do bate-papo formal sobre trabalho.

“Não se esqueça da conversa sobre café. Porque foi quando você se envolveu emocional ou emocionalmente com essas pessoas. Portanto, você deve continuar a existir”, lembra ele. No entanto, a separação das ferramentas também é muito importante e Carla explica o motivo: “Se você usar o Zoom para trabalhar […] use o Skype para conversar com sua família e vice-versa. Porque a tela inteira, cada conformação estimula os circuitos neurais e emocionais que são consistentes com o trabalho “, disse ele.a partir das 37:00)

Tieppo também é professor e pesquisador da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, é CEO e sócio fundador da Ilumne Consultoria, autor do livro “Uma viagem pelo cérebro: a maneira rápida de entender a neurociência” e é professor na Singularity University Brazil, uma corporação de caridade que atende empresas e executivos brasileiros nas áreas de tecnologia, tendências, estratégias e inovações.

.

Os podcasts são programas de áudio que podem ser ouvidos a qualquer hora, em qualquer lugar, no seu computador, smartphone ou outro dispositivo conectado à Internet. Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts e em todas as plataformas de distribuição. Você pode ouvir o Deu Tilt, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Deezer e YouTube.

.

Projetos citados:
Universidade Singularidade Brasil
Naruhodo Podcast!

Autores citados:
Platão
Aristóteles
René Descartes

You May Also Like

About the Author: Edson Moreira Bezerra

"Zombieaholic. Amadores de comida amadora. Estudioso de cerveja. Especialista em extremo twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *