Donald Trump vai visitar Kenosha, a cidade onde Jacob Blake foi baleado durante uma ação policial | Mundo

O presidente da Estados Unidos, Donald Trump, vai visitar Kenosha, informou a mídia norte-americana citando a Casa Branca neste sábado (29). A visita deve ocorrer nesta terça-feira, 1º de setembro.

A cidade de Wisconsin – um dos mais decisivos para as eleições americanas – Foi o cenário da ação policial que atirou sete vezes nas costas em Jacob Blake, um negro, e deu início a uma nova onda de protestos contra o racismo no país.

Trump já havia expressado sua vontade de visitar a cidade. Embora não tenha abordado diretamente o caso Blake, o presidente e candidato criticou a violência gerada pelas manifestações. No discurso oficial de candidatura presidencial, o republicano criticou os “vândalos e desordeiros” e defendeu a valorização da polícia.

O presidente Trump aceita formalmente a indicação para concorrer à reeleição nos Estados Unidos.

A visita também será vista como estratégia de campanha de Trump. Isso porque o estado de Wisconsin designa 10 delegados ao colégio eleitoral e costumava votar nos candidatos do Partido Democrata; tanto o governador do estado quanto o prefeito de Kenosha também são democratas.

No entanto, na eleição de 2016, Trump venceu em Wisconsin por uma pequena margem sobre Hillary, vitória considerada essencial para o republicano ocupar a Casa Branca.

Manifestantes protestam contra a brutalidade policial em Kenosha, Wisconsin, no sábado (29) – Foto: Morry Gash / AP Photo

Neste sábado, Kenosha viveu mais um dia de protestos contra a violência policial e o racismo nas instituições americanas. Centenas de pessoas participaram da marcha, que à tarde não teve mais acontecimentos graves.

Autoridades americanas, tanto republicanas quanto democratas, estão preocupadas com a escalada da tensão nos protestos. A morte de manifestantes após um Um homem de 17 anos atira em um grupo que participou dessas atos de maior preocupação.

Homem negro baleado nas costas por policiais dos Estados Unidos – Foto: Jornal Nacional

Jacob Blake se recupera do tiroteio em um hospital de Wisconsin. Eles o algemaram na cama do hospital, mas a polícia o liberou após o O tribunal estadual retirou o mandado de prisão contra ele.

Na sexta-feira, a Associação da Polícia de Kenosha divulgou uma nota afirmando que Blake não A bunda nua engasga com um dos policiais. Sua família nega as acusações, argumentando que as testemunhas não viram ameaças do homem aos agentes de segurança.

Confira o VÍDEO da ação abaixo

Um homem negro é baleado várias vezes pela polícia em Kenosha, EUA.

Um homem negro é baleado várias vezes pela polícia em Kenosha, EUA.

You May Also Like

About the Author: Ivete Machado Castilho

"Introvertido. Leitor. Pensador. Entusiasta do álcool. Nerd de cerveja que gosta de hipster. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *