Em busca de um recorde, Nadal derrota o bielorrusso na estreia de Roland Garros

Com a missão de tentar alcançar Roger Federer na história dos Grand Slams, Rafael Nadal iniciou sua carreira em Roland Garros na segunda-feira com uma sólida vitória sobre o bielorrusso. Egor Gerasimov, para a pontuação de 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 6/4 e 6/2, em 2h05min.

De volta ao saibro, em Paris, o tenista espanhol busca seu décimo terceiro título de Roland Garros. Além disso, ele tenta igualar o recorde de 20 conquistas do Grand Slam, que atualmente pertence ao suíço Roger Federer. Nessa busca, ele despachou o número 83 no ranking ATP em sua estreia.

Rafael Nadal venceu na estreia de Roland Garros

Foto: Divulgação / Roland Garros / Estadão

Ainda sem ritmo, tendo jogado apenas o Masters 1000 em Roma desde o reinício do circuito, Nadal estava impecável nos dois primeiros sets. Mas ele teve seu serviço ameaçado e até sofreu uma pausa no início do terceiro. Nada que ameace a vitória do favorito. Mais tarde, Gerasimov recebeu atendimento médico na quadra por causa de uma dor no pé direito.

Na segunda rodada, o tenista espanhol enfrentará o americano Mackenzie McDonald, que na segunda-feira derrotou o canadense Steven Diez por 3 a 1, com acertos em 4/6, 6/3, 6/3 e 6/4.

Na terceira rodada, caso confirme o favoritismo em seu próximo jogo, Nadal poderá cruzar com o experiente japonês Kei Nishikori, vice-campeão do US Open 2014.

Ainda na segunda-feira, quatro cabeças-de-chave masculinas foram eliminadas: o local Gael Monfils (8º), uma das apostas dos torcedores, o italiano Fabio Fognini (14º), o canadense Felix Auger-Aliassime (19º) e o sérvio Filip Krajinovic ( 26º)).

O norueguês Casper Ruud (28º) e o alemão Jan-Lennard Struff (30º) avançaram, assim como Jack Sock, Pierre-Hugues Herbert, Jiri Vesely, Guido Pella, Aljaz Bedene e Albert Ramos-Viñolas.

FÊMEA

Campeão de Roland Garros em 2016, o espanhol Garbiñe Muguruza estreou com vitória em Paris. A 11ª cabeça-de-chave teve uma vitória apertada sobre a Eslovena Tamara Zidansek por 7/5, 4/6 e 8/6. Sua próxima rival será a tcheca Kristyna Plyskova.

Elina Svitolina, terceira colocada da seleção ucraniana, também venceu, mas com mais facilidade. Ela passou pelo russo Varvara Gracheva 7/6 (7/2) e 6/4. Já no segundo turno, a tenista ucraniana duela com a mexicana Renata Zarazua, que avançou ao eliminar a local Elsa Jacquemot por 6/1 e 6/2.

Outro pré-qualificado a vencer foi o holandês Kiki Bertens (5º), que derrotou a ucraniana Katarina Zavatska por 2/6, 6/2 e 6/0. Em seguida, ela enfrentará a italiana Sara Errani, que despachou a porto-riquenha Monica Puig 6/2 e 6/1.

A alemã Angelique Kerber disse adeus cedo ao último Grand Slam do ano. O ex-número um do mundo caiu para o esloveno Kaja Juvan por um duplo 6/3.

Status

  • separador

You May Also Like

About the Author: Ivete Machado Castilho

"Introvertido. Leitor. Pensador. Entusiasta do álcool. Nerd de cerveja que gosta de hipster. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *