Guto Ferreira culpa maratona do jogo pelas vitórias em jejum no Ceará

A Ceará visitou o Atlético Paranaense, dentro Areia baixar, disposta a levar os três pontos para casa, mas não foi possível concluir este projeto. Em entrevista coletiva, o técnico da Voz, Guto Ferreira Mesmo com o empate sem gols, ele considerou o desempenho e a atuação dos jogadores do Alvinegro positivos, ainda mais por jogar fora de casa.

“Acho que tivemos uma boa consistência e estivemos perto de fazer o gol. Embora não tivéssemos o controle da posse de bola, estivemos mais perto que o rival de fazer o gol. Campo extremamente difícil de jogar, muito rápido. Jogamos contra um time que é totalmente adaptados ao campo, conhecemos o campo no momento do jogo. Colocando tudo em equilíbrio, fizemos um jogo muito positivo. Se tivéssemos vencido, não teria sido anormal e teria coroado o grande jogo que ele fez.

A Ceará foi desenvolvido em três competições, Futebol americano, copo Faz Brasil é o Campeonato Cearense. Isso afeta diretamente o desempenho dos jogadores. Por exemplo, este jogo que fechou a 14ª rodada de Campeonato brasileiro foi o 26º da equipe Alvinegra em menos de 80 dias. No entanto, o técnico disse que não vai tocar essa tecla.

“Acho que alcançamos alguns objetivos com a troca de jogadores, há jogadores que estão entrando muito bem. Isso nos dará a condição de podermos mudar de uma forma mais relaxada nas próximas vezes que precisarmos e vamos construir o grupo. A pandemia que mais jogou, fizemos o Jogo 26 em menos de 80 dias. Não vou reclamar, vamos encontrar soluções para tudo isso. ”

Por outro lado, Guto Ferreira destacou o pouco tempo que terá para se preparar para a partida contra Corinthians. Além disso, reconheceu a queda no desempenho nacional, mas garantiu buscar soluções.

“Tenho que enfrentar a situação no domingo porque terei um dia a menos que o Corinthians. O resto (na semana seguinte) será a primeira semana depois dos 80 e alguns dias, onde teremos uma semana para descansar e Bom depois disso, Ceará ainda está vivo na Copa do Brasil, está em uma classificação fora da zona de rebaixamento. Houve uma derrota, mas jogamos uma Série A onde cada detalhe faz a diferença, e ainda estamos em condições de reverter um título de Campeonato Cearense e fomos campeões de a Copa do Nordeste com um elenco que ninguém acreditou lá atrás. Está aí, chegando, tendo os reveses, mas amadurecendo e procurando soluções para cada jogo. Nossa expectativa é sempre vencer, mesmo que por um motivo ou outro, não podemos conquistar essa vitória. ”

A Ceará Recebe o Corinthians próximo domingo (11), às 20h30 (horário de Brasília), às Areia espanhol.

You May Also Like

About the Author: Ivete Machado Castilho

"Introvertido. Leitor. Pensador. Entusiasta do álcool. Nerd de cerveja que gosta de hipster. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *