Lobos escolhem Anthony Edwards primeiro no Draft da NBA LaMelo pertence ao Hornets, em 3º | nba

A NBA recebeu sua nova geração de jovens talentos do basquete universitário e da liga estrangeira na noite de quarta-feira. Em um draft realizado pela primeira vez virtualmente devido à pandemia de coronavírus, o Minnesota Timberwolves selecionou o ala Anthony Edwards na primeira eleição geral do evento.

A segunda opção foi para os Warriors, que ficaram com James Wiseman, ex-University of Memphis. E para fechar o pódio do Draft, em terceiro lugar, Charlotte Hornets escolheu o moderno craque LaMelo Ball, irmão de Lonzo Ball, que jogou no basquete australiano. É a primeira vez na história que dois irmãos estão no Top 5 em um Draft da NBA.

De um estúdio em Connecticut, o comissário da NBA, Adam Silver, anunciou as seleções da franquia. Assim como no Draft da NFL em abril, os jogadores escolhidos apareciam no estúdio por meio de uma tela, diretamente de suas casas, reagindo às seleções. Do riso fácil ao choro, os jogadores mostraram toda a emoção de chegar à maior liga de basquete do mundo.

+ Saiba tudo sobre o melhor basquete do mundo.
+ Veja o ranking dos campeões da NBA

Anthony Edwards, número 1

Edwards, que tem 1,96 m de altura e veio da Universidade da Geórgia, teve média de 19,1 pontos, 5,2 rebotes e 2,8 assistências por jogo em sua única temporada da NCAA. Ele se junta aos All-Stars D’Angelo Russell e Karl Anthony-Towns na equipe de Minneapolis, que terminou a última temporada com a terceira pior temporada na NBA, à frente apenas dos Cavs e Warriors.

Destaque da noite, o ala de 19 anos chamou a atenção da Universidade da Geórgia em sua estreia, quando marcou 24 pontos e se tornou o estreante com maior pontuação em um primeiro jogo universitário desde Dominique Wilkins, que se tornou o NBA Hall of Fame.

Esse sentimento é indescritível. Tenho sorte de estar nesta situação.

– Anthony Edwards, primeira escolha do esboço de 2020

Atlético, rápido, explosivo e bom passador, o lateral tem um estilo de jogo se comparado a estrelas como Victor Oladipo e Donovan Mitchell. Porém, você ainda precisa melhorar seu tônus, principalmente no perímetro, bem como na sua tomada de decisão.

LaMelo vai para a equipe de Michael Jordan

O jogador moderno de 2,06 m, que jogava pelo Illawarra Hawks, teve média de 17,0 pontos, 7,4 rebotes e 6,8 assistências por jogo durante seu tempo na liga australiana e se juntou a Terry Rozier, Devonte Graham e PJ Washington no Equipe do Hornets. propriedade de Michael Jordan.

LaMelo Ball, uma das primeiras celebridades a se orgulhar de ter 5,6 milhões de seguidores em uma rede social antes mesmo de chegar à NBA, tem a façanha de ter feito 92 pontos em um jogo do ensino médio como jogador.

Possuindo um controle de bola formidável, com uma visão acima da média da quadra e um excelente craque, LaMelo costuma ditar o ritmo de jogo e deixá-lo cheio de confiança. Por outro lado, o armador muitas vezes falha na seleção dos lances e tem muito a evoluir no aspecto defensivo do jogo.

Em quarto lugar, o Chicago Bulls escolheu Patrick Williams, o atacante que surpreendeu na quarta posição. Em quinto lugar, o Cleveland Cavaliers escolheu o ala Isaac Okoro, da Auburn University. Grande zagueiro, Okoro tem muita força física. Tome boas decisões, cometa faltas, boa ponteira perto da cesta.

Em sexto lugar, o Atlanta Hawks escolheu Onyeka Okongwu, da University of Southern California. Aos 2.06, o pivô jogou com LaMelo e Lonzo Ball no colégio e quebrou o recorde de tocos em um jogo (8) da história de sua universidade. A recente fratura no dedão do pé esquerdo não impediu o jogador de fazer uma seleção entre os dez primeiros do recrutamento.

O Detroit Pistons, na sétima posição, escolheu o franco-americano Killian Hayes, que vinha jogando basquete alemão. Na temporada 2019-2020, Killian foi titular absoluto em Ulm, equipe que chegou à final do campeonato alemão. É um jogador com bom drible e bom controle de bola, mas precisa evoluir defensivamente.

A oitava escolha foi para o New York Knicks, que usou Obi Toppin, um zagueiro da Universidade de Dayton. Obi é um jogador explosivo e versátil que faz bom uso de tiros de perímetro e costuma impressionar com enterradas alucinantes. Obi chorou muito ao ser selecionado pela equipe da Big Apple.

O segundo estrangeiro escolhido na noite foi Deni Avdija, um israelense selecionado em nono pelo Washington Wizards. Em 2019, Deni, que apesar de ter 2,05m atuou como armador no Maccabi Tel Aviv, ganhou o prêmio de Jogador Mais Valioso da Liga Israelense como o jogador mais jovem da história a realizar este feito. E em 10º lugar, o Phoenix Suns escolheu Jalen Smith, da Universidade de Maryland, eleito um dos cinco primeiros alas da NCAA em 2019.

As primeiras 10 opções do Projeto 2020

EscolhaJogadorEquipe
Anthony Edwards / SGMinnesota Timberwolves
James Wiseman / CGolden State Warrios
LaMelo Ball / PGVespas Charlotte
Patrick Williams / PFbúfalos de Chicago
5 ªIsaac Okoro / SFCleveland Knights
Onyeka Okongwu / PFAtlanta Hawks
Killian Hayes / PG-SGDetroit Pistons
Obi Toppin / SF-PFThe New York Knicks
Deni Avdija / SF-PFWashington Wizards
10ºJalen Smith / PFSóis de fênix

Ricky Rubio retorna aos Lobos
O Minnesota Timberwolves adquiriu o armador Ricky Rubio, opção 25 e opção 28 em um pacote que envolveu sua escolha 17. Oklahoma City Thunder, que emprestou Rubio 17 classificado para o centro sérvio Aleksej Pokusevski.

Knicks trocam palhetas com Jazz
Horas antes do início do Draft, o New York Knicks adquiriu a opção número 23, que pertencia ao Utah Jazz. Em troca, a equipe da Big Apple concedeu as opções 27 e 38. Além das escolhas envolvidas no negócio, o Utah Jazz também enviou aos Knicks os direitos sobre Ante Tomic, a 44ª escolha no draft de 2018.

Dê uma olhada nas outras 20 equipes da primeira rodada.

# 11 | Devin Vassel | Incentivo de São Antônio
# 12 | Tyrese Haliburton | Sacramento Kings
# 13 | Kira Lewis Jr. | Pelicanos de Nova Orleans
# 14 | Aaron Nesmith | Boston Celts
# 15 | Cole Anthony | Orlando Magic
# 16 | Isaiah Stewart | Detroit Pistons
# 17 | Aleksej Pokusevski | Oklahoma City Thunder via Minnesota Timberwolves
# 18 | Josh Green | Mavericks de Dallas
# 19 | Saddiq Bey | Redes de Brooklyn
# 20 | Precious Achiuwa | calor de Miami
# 21 | Tyrese Maxey | Philadelphia 76ers
# 22 | Zeke Nnaji | Pepitas de Denver
# 23 | Leandro Bolmaro | The New York Knicks
# 24 | RJ Hampton | Milwuakee Bucks
# 25 | Immanuel Quickley | Trovão da cidade de Oklahoma
# 26 | Payton Pritchard | Boston Celts
# 27 | Udoka Azubuike | Utah Jazz
# 28 | Jaden McDaniels | Los Angeles Lakers
# 29 | Malachi Flynn | Raptores de Toronto
# 30 | Desmond Bane | Boston Celts

You May Also Like

About the Author: Ivete Machado Castilho

"Introvertido. Leitor. Pensador. Entusiasta do álcool. Nerd de cerveja que gosta de hipster. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *