Marina Ruy Barbosa rebate a afirmação de Walcyr Carrasco e explica por que ela não raspou o cabelo em novela: “Nunca falei sobre isso”

Depois de Walcyr Carrasco admitir que matou o personagem de Marina Ruy Barbosa em “Amor à Vida” depois que ela parou de raspar o cabelo, a atriz resolveu comentar o caso. Por meio de seu Twitter, Marina afirmou que nunca teve contato direto com o autor do romance e não queria que a cena existisse apenas para “sensacionalismo”.

Inicialmente, ele descobriu o caso que foi levantado depois de tanto tempo e enfatizou que nunca havia falado sobre isso antes. “Depois de oito anos, ainda tenho esse problema. Nunca falei sobre isso e sei que existem muitas histórias que estão longe da verdade “, ele apontou.

Então, ele corrigiu a declaração do dramaturgo. “Aproveitando o discurso de Walcyr, ‘desisti’ porque o que havia sido combinado e me contado sobre a história, sobre o personagem, não foi feito”, despediu, lamentando a falta de contato com o autor na época.

“Pena que não tive ‘acesso’ na época e não pude falar diretamente com o autor. Nunca nos falamos, nem mesmo quando me chamaram na novela, no trabalho ou depois de tudo. Pena que não tive a chance de falar e entender o que se passava na cabeça de Walcyr. “, ele está estressado.

Em seguida, Marina explicou de onde veio a decisão de não raspar os cabelos da personagem Nicole, que tinha câncer e estava em tratamento. “Deste lado, com as informações que tinha, uma coisa era certa: como atriz, não queria apenas sensacionalismo. E como menina / mulher aos 17 anos, só valeria a pena se a doença fosse tratada com muito respeito e atenção, e fosse realizada uma ação social contra o câncer linfático “, ele apontou.

Primeira parte do discurso de Marina (Foto: Playback / Twitter)

“Não foi uma decisão irresponsável e muito menos leve”, ele enfatizou. “Depois de uma longa conversa com a direção da estação na época, chegamos juntos a essa conclusão, que não fazia sentido pela forma como tudo estava sendo tratado”., completou a atriz. Em seu depoimento, Walcyr disse que tinha apenas cinco dias para mudar o curso da história.

“Admiro minha coragem de questionar, de arriscar e enfrentar tudo o que aconteceu depois, até oito anos atrás. Acho que muita coisa mudou desde então, e hoje ninguém está mais inacessível e essas hierarquias são tratadas de forma muito mais saudável no ambiente de trabalho., celebrou a estrela.

Por fim, ele limpou o ar com Walcyr Carrasco, elogiando o trabalho do autor. “No entanto, tenho total respeito e admiração pela obra de Walcyr, um autor que considero muito talentoso”, concluiu ele. Verificação de saída:

Conclusão do depoimento de Marina (Foto: Playback / Twitter)

Entenda o caso

Depois de muita especulação, Walcyr Carrasco finalmente admitiu com todas as letras que matou a personagem de Marina Ruy Barbosa, Nicole, na novela de 2013 “Amor à Vida”, porque parou de raspar o cabelo como havia combinado. Ao vivo com a jornalista Márcia Piovesan no Instagram da revista ‘Caras’, a autora também deu mais detalhes do ocorrido e o motivo de sua decisão.

“Quando ele aceitou o papel, concordou que cortaria o cabelo. Ele havia concordado verbalmente que o cortaria quando aceitasse o papel. Ela foi representar o papel e a história [do corte] Eu estava chegando. Ela não te disse muito com antecedência para não cortar “Walcyr explicou. “Se ela, em algum momento, tivesse me avisado com bastante antecedência, ela saberia como orientar a história em outro lugar”, ele apontou.

O dramaturgo relatou que sempre escreve na frente da trama e já havia preparado cerca de 30 capítulos com essa trama. “Na minha história, o personagem dele já estava à beira da morte. Não tinha jeito, porque teria que desfazer toda a história já escrita, que não é o problema. Eles disseram: ‘Walcyr era preguiçoso.’ Não, eu não era preguiçoso “, ele está estressado.

Segundo o autor, a tarefa de refazer tudo não seria só dele. “É sobre a produção da novela, que já montou o palco, já chamou os atores. Quer dizer, há tanto em jogo que não é como, “Volte 30 capítulos e é isso.” Não. Então, não havia outra maneira senão matar seu personagem “, admitiu. Outro ponto importante foi a audiência.

Nicole morreu em seu casamento de conspiração e depois voltou como um fantasma (Foto: Reprodução / Globo)

“O público de hoje está muito informado. Todo mundo sabe a extensão do câncer. Pela descrição que ele deu a ela, o tratamento de quimioterapia acabaria com o cabelo [de Nicole]. Se ele não cortasse, seria uma partida difícil. Não seria credível. Então o jeito era matar. Isso é o que eu fiz. Eu não sabia mais o que fazer com o personagem “, lembrei.

Walcyr também mostrou o pouco tempo que teve para mudar o rumo da trama depois que a atriz desistiu. “Foram cinco dias e tive que mudar toda a história. Está entendido? Se me prepararam um mês antes, tem um time de perucas americanas, que é uma peruca que parece que a pessoa não tem cabelo. Então teria sido possível fazer o pedido desse material “, ele está estressado.

“Isso pode ser feito com bastante antecedência. E não tivemos que resolver isso de uma boa maneira “lamentou o autor, que compartilhou como se sentiu com a notícia. “Fiquei chateado na época, mas isso não significa que não voltaria a trabalhar com ela, desde que conversassem primeiro sobre as coisas. Marina fez papéis que funcionam muito bem no ar “, terminado. Veja o trecho:

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa Esteves

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *