Mauricio Souza leva Taubaté à vitória na Supertaça

Campo Grande, Brasil, 31 de outubro de 2020 – EMS Taubaté Funvic pode não começar a temporada de clubes brasileiros 2020-2021 da melhor maneira possível, pela primeira vez em sete anos a equipe não conseguiu vencer o Campeonato Paulista, mas se recuperou desde o reverso inicial muito bem.

Com uma vitória por 3-2 (19-25, 25-21, 30-28, 14-25, 15-11) sobre a medalhista de prata do Campeonato Mundial de Clubes de Voleibol Masculino da FIVB 2019, Sada Cruzeiro Volei, a equipe com Uma base em Taubaté garantiu seu segundo título em sete dias com sua vitória na Supercopa do Brasil de 2020 em Campo Grande na sexta-feira. A equipe havia vencido o Trofeu Volei Brasil na semana passada, também contra o Sada Cruzeiro.

Rapha Oliveira, capitão de Taubaté, ergue troféu da Supertaça (Foto: Célio Messias / Inovafoto / CBV)

Taubaté agora conquistou títulos consecutivos no torneio após sua vitória na temporada 2019-2020. A prova de um jogo reúne os vencedores da Superliga e da Copa do Brasil da temporada anterior.

O zagueiro Mauricio Souza teve um papel de destaque na recuperação de Taubaté, já que o veterano de 32 anos teve um ótimo desempenho na partida, eficiente no ataque e na linha de serviço e registrando bloqueios importantes em momentos importantes da partida. .

“Perder o Campeonato Paulista foi muito difícil, mas nos uniu como equipe”, disse o campeão olímpico Rio 2016, com 2,09 metros de altura. “É fácil dizer que percorremos um longo caminho desde então, mas ainda temos um longo caminho a percorrer. Vencer esses dois torneios contra um Sada Cruzeiro muito forte motiva e mostra que estamos no caminho certo. É sempre difícil e ele decide nos detalhes, mas nada melhor do que comemorar um título como este ”.

Isac Santos de Sada Cruzeiro (à esquerda) e Facundo Conte jogam contra Bruno Rezende de Tauabte na rede (Foto: Celio Messias / Inovafoto / CBV)

O oposto de Sada Cruzeiro e o MVP da FIVB de Voleibol 2019, Alan Souza, liderou todos os artilheiros da partida com 18 pontos. Seu reserva naquele torneio, Felipe Roque, de 2,12 m, somou 18 pontos para Taubaté.

Taubaté teve de lidar com algumas ausências notáveis ​​como campeão olímpico do Rio 2016, o atacante Douglas Souza não pôde entrar em campo devido a um problema nas costas e o capitão da Seleção Brasileira, Bruno Rezende, iniciou a partida. jogo, mas teve que ser substituído pelo veterano armador Rapha. Oliveira após sofrer uma lesão na panturrilha.

“Foi mais um jogo difícil”, reagiu Rapha. “É sempre assim com o Sada Cruzeiro. Mesmo se os derrotássemos por 3 a 0 no Trofeu Volei Brasil na semana passada, a partida foi muito mais disputada do que parecia. Estávamos preparados para um jogo longo e todos os jogadores fizeram um trabalho fantástico ajudando uns aos outros.

Ambas as equipes estão agora voltando suas atenções para a Superliga, que começa neste final de semana. O Sada Cruzeiro será o primeiro a estrear quando os seis vezes campeões nacionais enfrentarem o Vedacit Volei Guarulhos, no domingo. O Taubaté fará sua primeira partida do torneio na terça-feira contra o Azulim Gabarito Uberlândia.

Mais vôlei do Brasil:

You May Also Like

About the Author: Ivete Machado

"Introvertido. Leitor. Pensador. Entusiasta do álcool. Nerd de cerveja que gosta de hipster. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *