Meme é algo sério? O perfil do Instagram usa GIFs para ensinar diversão – 22/04/2020

Meme é algo sério? O perfil do Instagram usa GIFs para ensinar diversão - 22/04/2020

É quase impossível imaginar como seria a Internet sem memes nas redes sociais. Agora eles podem até ser usados ​​para educar. É a ideia do perfil do Instagram. GIFs educacionais, que pode parecer uma piada a princípio, mas mostrou que é sério e que já alcançou quase 100.000 seguidores.

A página foi criada por Sergio Junior, 23 anos, de São Paulo, que encontrou alguns GIFs do tipo no Twitter e no Facebook. “Havia muito jogo e me perguntei por que ninguém havia criado uma página apenas para isso. Decidi criá-la.”

A página foi feita pela primeira vez no Facebook e, após cerca de um mês, também foi para o Instagram, onde agora é o grande foco. Segundo o criador, o objetivo da página é fornecer informações básicas sobre diferentes tópicos para as pessoas.

“São coisas que vemos na escola primária e secundária de uma maneira mais contemporânea, porque hoje a Internet vive muito de memes”, diz ele. Para ele, a combinação da piada com a informação é o que torna a página tão atraente.

Um exemplo é a publicação sobre o uso de antibióticos, que fala sobre os riscos do uso de drogas sem orientação médica. O protagonista do meme é Gretchen (já figurado estampado nas publicações), que se voltou para um seguidor da página.

É óbvio que o coronavírus também se tornou um tópico na página, que agora ensina até as precauções a serem tomadas para se proteger (com a ajuda de Andressa Urach):

Página colaborativa

Os GIFs, na verdade, o perfil usa vídeos curtos com legendas, são feitos com a ajuda dos próprios seguidores da página, que primeiro publicam suas idéias em um grupo no Facebook com cerca de 10.000 membros.

Para ser publicado no perfil, o vídeo deve seguir alguns critérios, como um título que passa com tempo suficiente para ser lido sem problemas. Além disso, idealmente, deve ser fácil assimilar o conteúdo para todos.

“A maioria dos GIFs é produzida por outras pessoas e eu aprendo muito com elas, especialmente aquelas de áreas com as quais não tenho muita afinidade, como as biológicas”, diz Junior, estudante de Arquitetura e Urbanismo.

Funcionou tão bem que ele percebeu que não podia lidar com tudo sozinho. Hoje, ele conta com a ajuda de mais três pessoas, que já produziram material para a página e estavam interessadas em ajudar no lado administrativo.

O sucesso veio

Com quase um ano de página criada, Junior fica impressionado por ter conquistado tantos seguidores. “Não passou pela minha cabeça. Obviamente, quando criamos uma página, sempre temos a expectativa de que ela se torne um sucesso. Mas ainda fiquei positivamente surpreso”, diz ele.

O próximo passo para Junior é conseguir patrocinadores para a página, e ele já tem idéias sobre como fazer isso: “Por exemplo, uma marca de filtro solar. A publicidade pode ser feita em um texto no post e no GIF educacional que fala sobre a importância do uso de filtro solar. Eu já vejo isso como algo que podemos alcançar. “

Como baixar vídeos do Instagram

Bruna Souza Cruz

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *