Menino de 1 ano encontrado no corpo de mãe morta

JBr.

Júlia Mendonça Mercês, uma menina de 18 anos, foi morta com pelo menos seis facadas na noite de quarta-feira (18). O filho de um ano e oito meses foi encontrado na parte superior do corpo da mãe.

O principal suspeito do crime é o ex-parceiro de Júlia, identificado como estudante de direito Cario Miranda Nogueira, 20 anos. Segundo a polícia militar, Caio cortou a mangueira de gás da cozinha da residência. Por esse motivo, o amigo e o filho de Julia tiveram que receber atendimento médico.

Os moradores locais disseram que por volta das 17 horas da terça-feira (17) começaram a sentir um forte cheiro de gás de cozinha. Por volta das 19 horas, ouviram o amigo da vítima pedir ajuda.

Um veículo da PM que passava pela rua parou e ajudou. Naquela época, o filho de Julia foi encontrado na parte superior do corpo da mãe.

Segundo a polícia, o ex-parceiro de Júlia estava deitado no chão da cozinha e com algumas facas no corpo. Forense encontrou a arma que teria sido usada para cometer o crime. Segundo as autoridades, o suspeito tentou suicídio após o crime.

As autoridades levaram o suspeito a receber atendimento médico. Ao ver Caio, a população gritou em protesto.

O corpo de Júlia foi levado ao Departamento Médico Legal (DML). O crime ocorreu em Vitória-ES.

Acidente a caminho do hospital

No caminho para o hospital, a ambulância que transportava o filho e a amiga de Julia sofreu um acidente com um caminhão.

O motorista do caminhão disse que ficou surpreso com a ambulância, que desligou a sirene. O caminhão rolou e rolou. Outra ambulância foi chamada para ajudar as vítimas. O caminhoneiro também recebeu assistência.

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *