No exame de coronavírus, Bolsonaro diz: “Minha palavra vale mais”

JBr.

O presidente Jair Bolsonaro respondeu a perguntas sobre seus testes para detectar se ele está ou não infectado com o novo coronavírus. Recusando-se a mostrar os resultados à imprensa, Bolsonaro disse, no Palácio da Alvorada, nesta sexta-feira (27), que sua palavra vale mais do que “um pedaço de papel”.

“Eu estou bem, cara, fácil. E eu nunca tive um problema. Você já pensou em qual prato você preparou para a imprensa se ela o infectou? Não estou. É minha palavra Minha palavra vale mais do que um pedaço de papel “, acrescentou. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

Bolsonaro realizou dois testes nos dias 12 e 17 de março. Segundo ele, os dois deram negativo para o covid-19. A Presidência da República não transmitiu os resultados à imprensa ou à população. O Hospital das Forças Armadas (HFA), onde os testes foram realizados, deu ao Departamento de Saúde uma lista de 17 infectados, mas dois dos nomes estavam ocultos. O nome do presidente não está entre os 15 explícitos.

Durante a entrevista coletiva, Bolsonaro resolveu uma questão sobre se ele divulgaria o resultado como uma medida de transparência. “Você está dormindo comigo?”, Ele perguntou. No final, o presidente fez a provocação novamente. “Você vai dormir comigo ou não? É uma piada, meninos. Desculpe – ele disse.

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.