O FGTS é um elemento importante para enfrentar os problemas da covid-19, diz o secretário.

JBr.

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) é um “elemento importante” para ajudar a resolver os problemas levantados pela covid-19, disse o Secretário Especial de Finanças Waldery Rodrigues na sexta-feira 20. O governo sinalizou a possibilidade de mais retiradas do fundo de garantia dos trabalhadores para injetar dinheiro na economia em um momento de desaceleração.

Segundo ele, a transferência de R $ 21,5 bilhões atualmente no Fundo PIS / Pasep para o FGTS ajudará a garantir essa liberação.

A secretária lembrou que os beneficiários não resgataram R $ 14,8 bilhões da retirada imediata lançada no ano passado. “Podemos pensar em como entrar novamente na economia”, disse Waldery.

Em outra ocasião, os membros da equipe econômica já indicaram a possibilidade de, quando esse saldo permanecer no FGTS, promover um novo lançamento sem comprometer a sustentabilidade do fundo.

O secretário também enfatizou que o governo já anunciou a possibilidade de as empresas adiarem o pagamento do FGTS por três meses.

Ele também observou que as empresas terão mais tempo para reembolsar o fundo por esses valores, em parcelas que podem chegar até 2021. “Este mês” X “não foi publicado exatamente porque levará em conta a sustentabilidade financeira”, afirmou.

Status do conteúdo

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *