O INSS fez alterações para cuidar da proteção dos segurados, diz secretário

JBr.

O secretário especial de Previdência Social e Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Bianco, disse na quinta-feira 19 que as mudanças no funcionamento do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) visam proteger os segurados da agência, que forma um grupo pessoas vulneráveis, especialmente diante da nova pandemia de coronavírus. “Nosso trabalho é proporcionar benefícios a idosos, pessoas incapazes de se exercitar e pessoas com deficiência, que devem ter maior proteção e proteção contra os riscos do coronavírus”, disse Bianco.

Observando que as agências funcionarão como um serviço e que os serviços serão realizados virtualmente, o secretário pediu que o segurado usasse os serviços on-line e não fosse aos locais de operação do INSS. “Os médicos especialistas estavam conosco neste estudo”, disse ele.

Com este serviço remoto, ele explicou, os benefícios serão concedidos sem experiência médica. Os relatórios médicos serão recebidos pelo sistema virtual do INSS, no “Meu INSS” ou por smartphone. “Ao concluir o registro, você pode adicionar um relatório de especialista médico particular a esse registro, e todo o tratamento com benefícios será realizado sem a experiência médica pessoal neste momento de crise”, afirmou.

Bianco declarou que não haverá perdas para o segurado “pelo contrário”, os benefícios serão concedidos rapidamente com base no certificado privado, explicou. “Para quem já possui o certificado, eles fizeram a solicitação, basta que as pessoas o incluam neste novo sistema. Quem já solicitou o benefício, já estará na posse do documento médico, basta baixar o benefício no sistema, o benefício será rapidamente analisado e concedido sem a necessidade de uma visita presencial ”, explicou Bianco.

Status do conteúdo

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa Esteves

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *