O MEC autoriza estudantes universitários a fazer estágios em hospitais durante uma pandemia

JBr.

O Ministério da Educação autorizou estudantes universitários em cursos de saúde a fazer estágios em hospitais para ajudar a combater o novo coronavírus. A Portaria com a medida foi publicada em uma edição adicional do Diário da República na sexta-feira 20.

A decisão é válida para estudantes de medicina nos últimos dois anos de graduação e para estudantes de enfermagem, farmácia e fisioterapia que estão no último ano da universidade. A licença é temporária durante a emergência de saúde pública devido à covid-19.

Segundo o texto, os estudantes universitários devem atuar “exclusivamente nas áreas de clínica médica, pediatria e saúde pública, em apoio a famílias e grupos de risco, de acordo com as especificidades do curso”.

O desempenho dos estudantes deve ser supervisionado por profissionais registrados em seus conselhos competentes e pelas orientações de ensino fornecidas pela Universidade Aberta do SUS (UNA-SUS), preferencialmente.

De acordo com a Portaria, as instituições de ensino devem usar as horas gastas pelos estudantes em suas ações como substituto das horas exigidas de estágio curricular obrigatório. Este desempenho dos alunos será considerado “relevante” e deve ser considerado na pontuação de admissão nos cursos de residência.

Caberá ao Ministério da Saúde selecionar e designar os alunos, que devem disciplinar o processo em ato próprio, após coordenação com os órgãos estaduais, distritais e municipais de saúde.

Status do conteúdo

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa Esteves

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *