Os códigos Plus ajudarão a fornecer endereços digitais para moradores de áreas rurais do estado de São Paulo

Ações para reduzir a ocupação em nossos escritórios.

Para quem mora em áreas urbanas e desenvolvidas, parece óbvio que todos têm um endereço. No entanto, bilhões de pessoas no mundo vivem em lugares sem endereço. Segundo dados do Banco Mundial, metade da população urbana do planeta vive em ruas sem nome e não tem endereço. Como resultado, essas pessoas não conseguem explicar onde fica sua casa e acabam privadas de serviços públicos, assistência médica, contas bancárias, entregas de correspondência, oportunidades de emprego e até ajuda de emergência.

Somente no estado de São Paulo, mais de dois milhões de habitantes das áreas rurais não têm domicílio. Isso dificulta o acesso a serviços básicos, como entregas, telefonia e serviços de emergência. Segundo o governo do estado, São Paulo possui 340.000 propriedades rurais não gerenciadas e mais de 60.000 estradas e ruas não atribuídas nessas regiões.

Para resolver o problema, o Google e o governo do estado de São Paulo anunciaram uma parceria para usar a tecnologia Códigos de adição, capaz de atribuir endereços aos habitantes desses lugares. A princípio, o foco da colaboração será integrar essa tecnologia ao sistema governamental, garantindo a alocação de endereços digitais para os moradores das áreas rurais, incluindo as placas que contêm esse código, para pendurar na entrada das propriedades.

O Plus Codes é uma tecnologia de código aberto que usa dados de latitude e longitude. Isso significa que ele já está disponível e cobre todos os cantos do planeta. O serviço é gratuito e cada local possui um Código Plus que nunca muda. Os códigos podem ser facilmente criados e lidos, mesmo offline, e essa grade de endereços pode ser impressa em mapas e placas. Em outras palavras: os códigos Plus podem ser usados ​​mesmo por quem não possui um smartphone. Os códigos Plus já foram adotados em várias partes do mundo, graças a projetos realizados em Índianós Estados Unidos e em África. Agora, eles serão implementados pela primeira vez na América Latina.

Nos próximos meses, trabalharemos com o governo do estado para mapear ruas e estradas que ainda não estão registradas nas plataformas do Google. Com isso, cidadãos e usuários poderão navegar nos mapas e chegar a esses lugares. É um primeiro passo, que será desenvolvido em um ecossistema envolvendo varejistas e comerciantes, operadoras e empresas de telecomunicações. Isso aumentará ainda mais a adoção de códigos Plus, com grande potencial para impulsionar o desenvolvimento econômico nessas regiões.

O principal objetivo é transformar os códigos Plus em um padrão amplamente utilizado e compreendido, para que o número máximo de pessoas, empresas e organizações possa usufruir do benefício de ter um endereço em áreas não mapeadas anteriormente. Este trabalho é um cumprimento da missão do Google. O uso de uma solução como os códigos Plus garante acesso universal aos endereços e está disponível para qualquer pessoa.

Wilson Rodrigues é o gerente associado do Google na América Latina


You May Also Like

About the Author: Adriana Costa Esteves

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *