Principais mudanças na ANPD com a Medida Provisória nº 1.124 – Proteção de Dados

Para imprimir este artigo, tudo o que você precisa fazer é se registrar ou fazer login no Mondaq.com.

Na segunda-feira, Medida Provisória nº 1.124 foi publicada, alterando a Lei nº 13.709 de 2018—Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD)—que traz mudanças significativas na configuração do
Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD).

A Lei Provisória nº 1.124, de 2022, não altera as atribuições da ANPD ou sua estrutura organizacional geral prevista no art. 55 e seguintes da LGPD, mas essencialmente transforma a ANPD em uma autarquia especial. Até a presente data, a ANPD é órgão integrante da Presidência, conforme estabelecido por sua Estrutura Regimental. Quando a nova Estrutura Regimental da ANPD for publicada, ela será dotada de autonomia técnica e decisória, patrimônio próprio e personalidade jurídica distinta da Presidência.

Embora ainda precise ser aprovada pelo Congresso Nacional para se tornar lei, a medida provisória já está em vigor.

Essa mudança traz consequências práticas, como:

  • Maiores níveis de independência e autonomia da ANPD. Ser considerado uma entidade autônoma é essencial para os órgãos fiscalizadores e sancionadores, e essa mudança elimina a subordinação hierárquica da ANPD, conferindo à ANPD autonomia semelhante à de outras agências de regime especial, como outras agências reguladoras brasileiras e o Banco. do Brasil.

  • Autorização da ANPD para atuar de forma autônoma perante o Judiciário. Ao se tornar uma autarquia especial, a ANPD adquire autonomia processual, o que é de grande relevância para o plano de proteção de dados pessoais no país, aumentando as capacidades de aplicação da ANPD. Portanto, é possível a ANPD ajuizar ações civis públicas.

  • Mais um passo para que a União Europeia reconheça o Brasil como país com nível adequado de proteção de dados pessoais. Na UE, existem alguns requisitos para isso sob o Regulamento Geral de Proteção de Dados – GDPR. Um dos elementos analisados ​​para avaliar o nível de cumprimento da proteção de dados pessoais é a independência e não subordinação da autoridade responsável pela proteção de dados pessoais no país. Esse reconhecimento seria benéfico para o Brasil.

Visite-nos em Tauil & Checker

Fundado em 2001, Tauil & Chequer Advogados é um escritório full-service com aproximadamente 90 advogados e escritórios no Rio de Janeiro, São Paulo e Vitória. A T&C representa empresas locais e internacionais em suas atividades domésticas e internacionais e oferece aos clientes uma gama completa de serviços jurídicos, incluindo: societário e fusões e aquisições; mercados de capitais de ações e dívidas; Bancos e finanças; emprego e benefícios; de Meio Ambiente; propriedade intelectual; litígios e resolução de disputas; reestruturação, falência e insolvência; imposto; e imóveis. A empresa tem uma presença particularmente forte e duradoura nos setores de energia, petróleo e gás e infraestrutura, bem como fundos de pensão e investimentos. Em dezembro de 2009, a T&C firmou acordo para operar em associação com Mayer Brown LLP e se tornar “Tauil & Chequer Advogados em associação com Mayer Brown LLP”.

© Copyright 2020. Tauil & Chequer Advogados, escritório de advocacia brasileiro ao qual Mayer Brown é associado. Todos os direitos reservados.

Este artigo fornece informações e comentários sobre questões jurídicas e notícias de interesse. O que precede não é um tratamento completo do assunto coberto e não se destina a fornecer aconselhamento jurídico. Os leitores devem buscar aconselhamento jurídico específico antes de tomar qualquer ação com relação aos assuntos discutidos neste documento.

ARTIGOS POPULARES SOBRE: Brasil Privacidade

Pesquisa de Lei de Privacidade 2021 – Bolívia

lei dos aliados

À medida que as preocupações com a privacidade dos dados dos trabalhadores crescem na América Latina, também cresce a definição de “trabalhador”; Funcionários e contratados antigos, atuais e potenciais agora podem ser cobertos pelas regulamentações trabalhistas, trabalhistas e de segurança de dados de um país.

Pesquisa de Lei de Privacidade 2021 – Chile

lei dos aliados

À medida que as preocupações com a privacidade dos dados dos trabalhadores crescem na América Latina, também cresce a definição de “trabalhador”; Funcionários e contratados antigos, atuais e potenciais agora podem ser cobertos pelas regulamentações trabalhistas, trabalhistas e de segurança de dados de um país.

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.