Professor de escola pública do DF é um dos vencedores da Nota do Educador 10

André Luis Miranda de Barcellos Coelho, professor de física da escola pública do Distrito Federal, é um dos vencedores do prêmio Nota do Educador 10. A homenagem é uma das mais importantes do país. O professor é o único representante do Centro-Oeste entre os 10 vencedores deste ano.

E ainda concorre ao título de Educador do Ano e também na seleção do melhor projeto pelo voto popular. Das 3.761 inscrições, 50 finalistas saíram para alcançar os 10 vencedores.

O que chamou a atenção dos organizadores do prêmio foi o fato de se tratar de um projeto simples, de baixo custo e que não precisa ser realizado em laboratório ou em qualquer estrutura sofisticada. Portanto, é facilmente replicável. Pode ocorrer em uma sala de aula tradicional ou em outro ambiente escolar.

0

O projeto

O projeto Óptica com Ciência foi desenvolvido em 2019 com cerca de 220 alunos do 3º ano do ensino médio, incluindo cinco intercambistas europeus, norte-americanos e indianos. Como professor de Física, trabalhou com óptica geométrica (parte da Física encarregada de estudar o comportamento da luz).

O principal objetivo da iniciativa foi trabalhar os valores da ciência e explicar aos participantes os processos através dos quais ela se dá, incluindo o diálogo, a cooperação e como lidar com o erro.

Durante 16 aulas, foi construído um método de pesquisa composto por três momentos: investigar um fenômeno com a coleta de dados qualitativos e quantitativos; discutir e analisar as informações; e sistematizar o conhecimento produzido.

O projeto vencedor do Educador Nota 10 foi desenvolvido na SEB Dínatos, uma escola particular. O André queria muito aplicar a ideia também à rede pública, e isso simplesmente não foi possível porque, em 2019, ele tinha outra missão: a formação de professores na EAPE.

Raça

André ingressou como professor do serviço público em 2015. Já lecionou no Centro Educacional 7 e no Centro de Ensino Médio 10, ambos em Ceilândia. Graduado em Física pela Universidade de Brasília (UnB), possui mestrado em Ensino de Física e doutorado em Educação Científica pela mesma instituição.

O professor busca aplicar em sala de aula todos os conhecimentos que adquire, de forma simples, desmistificando que ciência é algo inatingível. Assim nasceu o projeto Óptica com Ciência.

Em 2018, foi selecionado para um curso intensivo no laboratório da Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear (CERN), na Suíça. Em seguida, fez cursos no Canadá e nos Estados Unidos, também em importantes instituições internacionais.

O Educador do Ano será anunciado em outubro. Este ano, devido a Pandemia do covid-19, a cerimônia de entrega será virtual. (Com informações do Ministério da Educação do Distrito Federal)

You May Also Like

About the Author: Ivete Machado Castilho

"Introvertido. Leitor. Pensador. Entusiasta do álcool. Nerd de cerveja que gosta de hipster. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *