Redmi Note 9 Pro vs Note 8 Pro: melhor sucessor, mas vale mais R $ 1.000? O | Comparativo

ELE Redmi Note 8 Pro É um dos intermediários mais amados dos brasileiros por oferecer um bom conjunto a um preço justo. Sem mencionar, é uma ótima opção de jogo e oferece fluência superior aos telefones principais mais caros. A Xiaomi tem a missão de repetir os mesmos sucessos com o Note 9 pro. Você entendeu Qual dos dois é uma compra melhor? É isso que vamos descobrir.

índice comparativo




Android
01 de julho


Redmi Note 8 Pro: c


Android
25 fora

Projeto

Os dois são bem diferentes, tanto na frente quanto atrás. O Redmi Note 8 Pro possui um entalhe convencional e suas câmeras estão alinhadas verticalmente na parte traseira, enquanto seu sucessor possui um entalhe em forma de furo e câmeras dispostas em um bloco de ressalto.

O novo é maior e mais pesado devido à tela ampliada. No entanto, mesmo com o aumento da vida útil da bateria, ele não era mais gordo. O acabamento permanece o mesmo de antes, com os lados de plástico e vidro novamente.

A posição do leitor biométrico mudou, deixando as costas e indo para o lado direito. Aqui, a preferência é por cada um e pela maneira como eles seguram o telefone celular, pois a velocidade e a precisão no reconhecimento da impressão digital são semelhantes.

Se o tamanho não importa e você está procurando o mais completo, escolha. Ambos oferecem a mesma versão de Wi-Fi e Bluetooth e fornecem entrada de fone de ouvido e emissor de infravermelho, além de NFC.

O Redmi Note 8 Pro leva o primeiro ponto porque é mais ergonômico.

Multimídia e software

Tela e som


A tela cresceu e ganhou mais alguns pixels, mas a resolução é quase a mesma Full HD + de antes. A Xiaomi ainda escapa dos monitores AMOLED na linha Redmi e aqui possui um painel LCD IPS com um bom nível de brilho em ambos. O contraste é semelhante, assim como o ângulo de visão. O HDR suporta vídeos do YouTube, mas é mais limitado com o Netflix e outros serviços de streaming. A calibração de cores tende a tons mais frios em ambos, especialmente na Nota 8, que possui um branco azulado. Você pode reduzir esse problema nas configurações.

A tela não evoluiu e não soou? A Xiaomi ainda se recusa a aderir ao som estéreo em seus corretores. Temos apenas uma saída de som na parte inferior com potência um pouco mais alta no Redmi Note 9 Pro. A qualidade do som também é melhor no novo modelo, embora nenhuma ofereça áudio equilibrado.

Cada um ganha um ponto na tela e a Nota 9 recebe um som extra.

Programas


O Redmi Note 8 chegou com o Android 9 Pie e já foi atualizado para o Android 10 com o MIUI 11, a mesma combinação presente no Note 9 Pro de fábrica. Ambos oferecem os mesmos recursos: incluindo o modo noturno, o aplicativo para usar o telefone como controle remoto e o Game Turbo, que permite ajustar os jogos para uma melhor experiência.

A interface flui bem em ambos e podemos esperar que o Redmi Note 9 Pro seja atualizado para o Android 11, enquanto o Note 8 Pro deve travar no Android 10, mas ainda receberá atualizações do MIUI.

Damos ao Redmi Note 9 Pro um ponto em termos de software.

atuação


Quanto menor o tempo, melhor

A Xiaomi mudou o Helio G90T para o Snapdragon 720G e manteve a quantidade de RAM na versão mais barata. Em nosso teste de velocidade, tivemos desempenho semelhante. Isso pode desapontá-lo, mas o hardware da Qualcomm tem suas vantagens.

Nos benchmarks, temos um bom salto nas pontuações, atingindo uma diferença de até 20% no AnTuTu. Nos jogos, também vemos fluência superior no Note 9 Pro, especialmente com o Asphalt 9 e o PUBG rodando a 60fps estáveis.

No desempenho, destacamos o Redmi Note 9 Pro.

Bateria


Quanto maior o tempo, melhor (exceto recarregar)

A bateria cresceu 520 mAh e isso garantiu algumas horas extras de autonomia. Isso significa que, quando o Note 8 Pro for baixado, o Note 9 Pro ainda terá mais de 20% de carga restante, proporcionando mais tempo livre para dois dias de bateria silenciosa.

Outro avanço importante está no novo carregador Xiaomi, que oferece quase o dobro da energia e reduziu o tempo de recarga em quase 50 minutos.

Para ter uma bateria melhor e recarregar mais rápido, damos ao Note 9 Pro um ponto duplo.

Cmeras

Existem quatro câmeras em ambas com um conjunto semelhante de sensores e lentes. A única diferença é que a macro teve um aumento na resolução. Qualidade semelhante é esperada para fotos, mas a verdade é que o hardware da Qualcomm melhora o processamento da imagem.

O Note 9 Pro grava ótimas fotos, sendo muito melhor do que o que vimos em seu antecessor. Existem muitos detalhes dos cenários, as cores estão próximas da realidade e o equilíbrio dinâmico correto evita a preocupação de usar o HDR.

A grande angular também é melhor do que antes, mas ainda sofre em locais mais escuros. A macro não apenas captura imagens mais detalhadas, mas também oferece melhor clareza graças ao foco automático, permitindo que você se aproxime ainda mais do que é possível com o Note 8 Pro.

Aponte o Redmi Note 9 Pro por ser melhor para fotos.

Fotos tiradas com o Redmi Note 9 Pro

Com a câmera frontal, no entanto, não tivemos um avanço significativo. A Xiaomi reduziu a resolução e até a abertura focal, o que comprometeu a qualidade. No entanto, como o hardware da Qualcomm executa um pós-processamento melhor, temos selfies um pouco melhores, especialmente em locais mais escuros. Quanto ao modo retrato, desative o HDR no Note 9 Pro, deixando o fundo das fotos estourado.

Damos a cada um um ponto em selfies.

Fotos tiradas com o Redmi Note 8 Pro

Nos vídeos, temos resolução 4K com a principal e Full HD com ultra grande angular e frontal em ambas. Mais uma vez, o Snapdragon faz a diferença e temos vídeos cada vez mais claros no Redmi Note 9 Pro. A diferença fica ainda maior à noite. Em termos de velocidade de foco e controle de empurrões, temos resultados semelhantes.

Aponte para a câmera de vídeo Note 9 Pro.

Preço

Como você pode ver, o Redmi Note 9 Pro é a melhor opção, mas você terá que pagar um preço alto por isso. A novidade da Xiaomi chegou ao Brasil por R $ 4.199 salgados e, mesmo que você decida importar, terá que gastar quase R $ 1 mil a mais que no Note 8 Pro.

Se você estiver procurando por um bom corretor com um preço mais acessível, acabará preferindo economizar com o Note 8 Pro.

E com isso terminamos a comparação com o último ponto do modelo mais antigo.

8.6
Hardware

8,5
custo Benefcio

Redmi Note 8 pro

Comparar

8.4
Hardware

6,8
custo Benefcio

Redmi Note 9 pro

Comparar

Concluído

O Redmi Note 8 Pro é um bom celular, mas seu sucessor mostrou um bom progresso em muitos pontos. Possui som mais potente, melhor desempenho nos jogos, maior autonomia da bateria e recargas mais rápidas, além de uma inovação em câmeras de foto e vídeo. O problema é o preço que você terá que pagar por todas essas melhorias. Vale a pena? Se você estiver procurando por um telefone mais redondo que seja bom em tudo, será uma escolha melhor.

Se você não se importa muito com a câmera, pode valer a pena economizar algum dinheiro e escolher o Note 8 Pro, que ainda é uma boa opção intermediária.

RESULTADO

Redmi Note 9 Pro: 9 PONTOS

  • Bom painel LCD IPS
  • Som mais poderoso
  • Software mais recente
  • Desempenho superior em jogos
  • Um maior tempo de bateria.
  • Arrefecimento mais curto
  • A melhor experiência fotográfica.
  • Boa câmera para selfies
  • Câmera de vídeo superior

Redmi Note 8 Pro: 4 PONTOS

  • Melhor ergonomia.
  • Bom painel LCD IPS
  • O melhor modo de retrato selfie
  • O menor preço

(Atualizado em 31 de julho de 2020 12:18)

You May Also Like

About the Author: Gabriela Cerqueira Corrêa

"Solucionador de problemas do mal. Amante da música. Especialista certificado em cultura pop. Organizador. Guru do álcool. Fanático por café."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *