Rogério Minotouro se aposenta com uma perda de trilogia contra Maurício Shogun na Ilha da Luta | combate

Durante uma carreira de 19 anos, Rogério Minotouro teve uma carreira completa, com lutas e vitórias lendárias contra nomes como Kazushi Sakuraba, Alistair Overeem, Dan Henderson e Tito Ortiz. Mas faltava uma vitória, que lhe escapou duas vezes, em 2005 e 2015, e estava novamente perto de acontecer neste sábado na Ilha da Luta, mas não foi possível. Na luta que marcou sua aposentadoria, e também na trilogia contra Maurício Shogun, o bahiano acabou sofrendo sua terceira derrota contra seu grande rival, por decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29 e 29-28).

Maurício Shogun comemora vitória sobre Rogério Minotouro no UFC: Whittaker x Till – Foto: Getty Images

– Tentei nocaute durante a luta, usei meu boxe e a luta foi muito equilibrada. Compartilhei o octógono com os maiores nomes do esporte. Tenho 44 anos e estou feliz em compartilhar a gaiola com um grande campeão como Maurício Shogun – disse Minotouro após a partida.

A luta começou com Shogun tentando encurralar Minotouro, que estava cercando o octógono. Com pouco mais de um minuto de luta, o paranaense pegou o bahiano de costas na grelha e começou a aplicar joelhos nas pernas. Depois de se livrar de seu rival, Minotouro atingiu Shogun diretamente, que tentou retaliar sem sucesso na primeira tentativa, mas depois deu o golpe. Os dois começaram a trocar golpes seguidos, até Shogun buscar a queda, terminando a rodada em Minotouro no chão.

Maurício Shogun vence Rogério Minotouro no UFC: Whittaker vs. Até – Foto: Getty Images

As perspectivas para a luta no segundo turno não mudaram. Os dois lutadores tentaram acertar, acertar bons socos e se masturbar. Após cerca de dois minutos de luta, Shogun perdeu o equilíbrio com uma vantagem de Minotouro e caiu. O rival aproveitou a oportunidade para ficar em cima do campo, na guarda do ex-campeão. Shogun levantou-se e tentou aplicar uma perna dupla a Minotouro, que se defendeu e permaneceu em pé. Parecendo cansados, os dois lutadores diminuíram a velocidade até o intervalo.

Rogério Minotouro vence Maurício Shogun no UFC: Whittaker vs. Até – Foto: Getty Images

Na terceira e última rodada, ele colocou os dois lutadores cautelosos, agindo no contra-ataque e esperando o ataque do outro. Minotouro e Shogun atacaram sem se expor a contra-ataques, e a luta foi mais lenta. Pouco mais de um minuto antes do fim da luta, Shogun mais uma vez tentou a queda e conseguiu cair em Minotouro, que estava sem fôlego para tentar abandonar a posição e buscar investimentos. O paranaense aproveitou a oportunidade para se posicionar e acertou de cima para baixo, mantendo essa posição até o fim.

Robert Whittaker prevalece e derrota Darren Till

No evento principal deste sábado, o ex-campeão dos médios do UFC, o australiano Robert Whittaker, teve uma luta dura contra o inglês Darren Till, mas foi vitorioso por decisão unânime dos juízes (triplo 48-47).

Robert Whittaker vence Darren Till em sua vitória na Ilha da Luta – Foto: Getty Images

A primeira rodada começou com Till tentando ficar em cima de Whittaker e sendo contido com um soco esquerdo. Após alguns momentos de estudo, o australiano atacou e recebeu um golpe contra os ingleses, sendo abatido. Até que ele bateu no chão e bateu, mas Whittaker se recuperou rapidamente e lutou novamente. Os dois trocaram chutes baixos e chutes rápidos até o intervalo.

O australiano voltou à segunda rodada marcando os chutes de Till para contra-atacar com chutes esquerdos. A tática funcionou, e Whittaker derrubou os ingleses com uma escada, permanecendo no chão. Depois de punir Till por um tempo, o ex-campeão viu seu rival se levantar e a luta voltou ao centro do octógono. Os dois lutadores tentaram, mas não acertaram bons tiros até o final da rodada.

Darren Till conecta Robert Whittaker com um bom tiro – Foto: Getty Images

Voltando à luta, os dois lutadores mantiveram a postura dos dois rounds iniciais: entraram e saíram do intervalo do outro, evitando serem expostos a contra-ataques. Às vezes, Whittaker procurou a luta, mas não conseguiu derrubar Till, que é maior e tem uma boa defesa contra quedas.

A jogada de Whittaker impediu os ataques de Till na quarta rodada. O australiano mostrou um arsenal de golpes que impedia os ingleses de estabelecer dominância em suas ações. Baseado no karatê, o ex-campeão era uma ameaça permanente em contra-ataques às tentativas de ataque inglesas.

Robert Whittaker tenta um chute alto contra Darren Till – Foto: Getty Images

Darren Till voltou para a quinta rodada mais agressivo, mas Robert Whittaker interrompeu os ataques do inglês com chutes baixos e socos à esquerda. O australiano agiu com baixa guarda, movendo-se bem, enquanto Till respirava mais forte, parecendo estar mais exausto fisicamente. Com 30 anos restantes na luta, o inglês avançou para atacar, mas sua perna foi agarrada e ele foi derrubado por Whittaker. O ex-campeão conseguiu uma nova queda e manteve os ingleses no grid até o final da luta.

Veja todos os resultados do evento:

You May Also Like

About the Author: Gabriela Cerqueira Corrêa

"Solucionador de problemas do mal. Amante da música. Especialista certificado em cultura pop. Organizador. Guru do álcool. Fanático por café."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *