Santos perde na Vila, mas elimina LDU e fica na Libertadores

Apesar de perder por 1 a 0 para a LDU em Quito (Equador), nesta terça-feira (1), na Vila Belmiro, o Santos está classificado para as quartas de final da Libertadores. O Peixe se beneficiou da vitória por 2 a 1 no jogo de ida, na última terça-feira (24), na capital equatoriana. O confronto terminou empatado em 2 a 2 no placar agregado, mas o Alvinegro levou a melhor pelo critério de gols marcados fora de casa (dois contra um).

O Santos dominou o primeiro tempo, atacando principalmente pela lateral direita, mas não transformou a superioridade em gols. Na primeira meia hora, houve pelo menos cinco boas chances. Dois deles foram evitados por Adrián Gabbarini. Aos 13, o goleiro do LDU travou o chute de fora da área do meia Diego Pituca. Aos 22, salvou o que seria um gol do atacante Kaio Jorge, com quem se enfrentou. Aos 28, o atacante Lucas Braga também cabeceou na trave.

Os equatorianos equilibraram suas ações e voltaram melhor para a fase final. O Santos inicialmente manteve sua postura ofensiva, mas aos 19 minutos o meio-campista Matías Zunino aproveitou o rebote na área santista e colocou a LDU na frente. O time visitante se empolgou e assumiu o controle do jogo. O Alvinegro, por sua vez, recuou muito após o gol, ficando apenas com o atacante Marinho à frente. Aos 34, Zunino tinha a bola, mas perdeu a chance por baixo da barra branca.

Além disso, após uma disputa pela bola na área santista, os jogadores das duas equipes lutaram muito. Após quase 10 minutos de paralisação, o árbitro Nestor Pitana recorreu ao vídeo-árbitro (VAR) para verificar os detalhes da luta. O zagueiro Luiz Felipe e o técnico Omar Feitosa (ambos do Santos) e o meio-campista Lucas Villaruel do LDU foram expulsos, enquanto o goleiro John, do Peixe, viu o cartão amarelo. O jogo acabou após o castigo.

Nesta quarta-feira, o Santos FC aguarda as eliminatórias entre Grêmio e Guarani (Paraguai), que se enfrentam nesta quinta-feira (3), às 21h30 (horário de Brasília), em Porto Alegre. Os gaúchos venceram o primeiro jogo, fora de casa, por 2 a 0. Se o Tricolor avançar, eles reeditariam com o Peixe a semifinal da Libertadores 2007. Os gremistas, na ocasião, levaram a melhor após vitória no extinto estádio olímpico por 2 a 0 e perdeu no Santos (SP) por 3 a 1, continuando até a final pelo gol fora de casa.

Luto remove o furacão

Cheio de desfalques (15), principalmente por conta do novo coronavírus (covid-19), o Atlético Paranaense lutou, mas foi derrotado pelo River Plate (Argentina) por 1 a 0 na Libertadores da América, em Buenos Aires, e se despediu. da competição nas oitavas de final. O duelo aconteceu na casa do Independiente argentino porque o rio Monumental de Núñez está em construção. No primeiro jogo, na Arena da Baixada, em Curitiba, há uma semana, os times estavam 1 a 1.

Apesar dos problemas com o elenco, o Huracán fez um ótimo primeiro tempo, compartilhando as ações ofensivas com a equipe local. Aos 16 minutos, o meio-campista Erick teve a melhor oportunidade rubro-negra, após desviar de cabeça do atacante Walter, mas acertou sozinho. River, aos poucos, foi tomando conta das ações, mas parou na trave e nas defesas de Bento. Substituto do titular Santos e reserva Jandrei, o goleiro de 21 anos fez apenas a terceira partida como profissional.

No segundo tempo, o time argentino colocou o Atlético nas cordas. Não fosse por Bento, que fez pelo menos três boas defesas, o placar teria aberto mais cedo. Aos 35 minutos, não havia jeito. Após pênalti do atacante Rafael Borré, o meio-campista Nícolas De La Cruz bateu e colocou o River na frente. Precisando de um empate para pelo menos forçar uma disputa de pênaltis, Hurricane tentou sem sucesso lançar o ataque. O atual vice-campeão dos Estados Unidos continua.

Na próxima fase, River aguarda quem passa entre Nacional (Uruguai) e Independiente del Valle (Equador). Na primeira partida, em Quito, os times estavam 0 a 0. O jogo de volta será nesta quarta-feira, às 19h15, em Montevidéu, no estádio Parque Central.

Veja a tabela da Copa Libertadores.

You May Also Like

About the Author: Ivete Machado

"Introvertido. Leitor. Pensador. Entusiasta do álcool. Nerd de cerveja que gosta de hipster. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *