Sem Cristiano Ronaldo, Juventus vence na estreia na Champions League

Com torcida nas arquibancadas em Kiev, na Ucrânia, a Juventus estreou na Liga dos Campeões da Europa com a vitória na terça-feira (20/10). Mesmo sem contar com Cristiano Ronaldo, a equipe italiana venceu o Dínamo Kiev por 2 a 0, com destaque para Álvaro Morato, autor dos dois gols na partida que abriu o Grupo G.

Depois de ter tido a sua fase final disputada na “bolha” criada em Lisboa na época passada, a Champions League abriu a fase de grupos esta terça-feira com a presença dos adeptos nas arquibancadas. O Estádio Olímpico de Kiev recebeu cerca de 15 mil torcedores.

Em campo não puderam ver Cristiano Ronaldo, que falta a Juventus porque ainda está em quarentena. O português foi diagnosticado com Covid-19 na semana passada. Em contrapartida, os torcedores puderam ver a estreia de Andrea Pirlo como treinador em uma partida da Champions League.

O jogo

Incapaz de contar com o seu titular, Pirlo formou o ataque da Juventus com Kulusevski e Morata, complementados por Cuadrado e Chiesa, esta atuando quase como um atacante, pela esquerda. O lateral brasileiro Danilo também foi titular, mas atuou mais atrás, na defesa, vestindo o uniforme laranja da seleção italiana nesta terça-feira.

Mesmo sem os portugueses, a Juventus dominou o primeiro tempo com certa facilidade. Vindo pelas costas, Chiesa foi a que correu mais perigo, com seu tradicional movimento da esquerda, entrando na área, cortando para a direita e finalizando. Na primeira, aos 11, o goleiro George Buschan se alongou para fazer a defesa

Dois minutos depois, o zagueiro Chiellini também esteve perto de abrir o placar quando acertou a cabeça após acertar o goleiro. Ele mandou perto do posto esquerdo de Buschan. A mais bela jogada da fase foi comandada por Kulusevski, que completou um baixo centro da carta e exigiu outra boa defesa do goleiro ucraniano, aos 33 anos.

A insistência no ataque deu frutos logo no primeiro minuto do segundo tempo. Em bela jogada de ataque da Juventus, Chiesa arrancou da esquerda, Ramsey deu um passe de calcanhar e Kulusevski disparou da entrada da área. Buschan pegou, mas ricocheteou nos pés de Morata, que não perdoou.

O gol não mudou o panorama do duelo, com a Juventus sempre olhando para o ataque e o Dínamo segurando a defesa. As entradas do atacante Paulo Dybala e do meia brasileiro Arthur mantiveram a seleção italiana sob pressão. O segundo gol terminou aos 38, em um preciso centro de Cuadrado a Morata apoiando a cabeça, selando a vitória.

Na próxima rodada, quarta da próxima semana, dia 28, a Juventus recebe o Barcelona, ​​no possível reencontro de Cristiano Ronaldo com Lionel Messi. No mesmo dia, o Dínamo visita Ferencváros em Budapeste.

Vitória belga na Rússia

No Grupo F, o Club Brugge venceu o Zenit St. Petersburg por 2 a 1 em solo russo. Os gols vieram apenas no segundo tempo. Emmanuel Dennis abriu o marcador para a equipa belga, o Zenit empatou na própria baliza de Ethan Horvath, mas Charles De Ketelaere garantiu a vitória dos visitantes no prolongamento. O grupo ainda tem o duelo entre Lazio e Borussia Dortmund, nesta terça-feira, na Itália.

You May Also Like

About the Author: Ivete Machado Castilho

"Introvertido. Leitor. Pensador. Entusiasta do álcool. Nerd de cerveja que gosta de hipster. Organizador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *