Trump afirma ser ‘imune’ à Covid-19 | Mundo

Ó presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, declarou neste domingo (11) que é “imune” à Covid-19. Anteriormente, em uma entrevista por telefone, ele deu a entender que seu oponente, o candidato Joe Biden, estaria doente.

“Aprovação total dos médicos da Casa Branca ontem. Isso significa que não posso ficar (imune) e não posso me comunicar. É bom saber”, postou Trump na mídia social.

Anteriormente, ele deu uma entrevista por telefone a uma estação de televisão americana e também disse que estava imune.

“Parece que estou imune, não sei, talvez por muito tempo, talvez por um tempo, talvez por toda a vida. Ninguém realmente sabe, mas estou imune”, disse Trump à Fox News.

“Você tem um presidente imune … Você tem um presidente hoje que não precisa se esconder em seu porão como seu oponente”, acrescentou ele, referindo-se ao democrata Joe Biden.

Durante a entrevista, Trump até deu a entender que seu rival poderia estar doente.

“Olha só o Joe, ontem (sábado) ele tossiu muito, depois tirou a máscara e depois tossiu”, disse. “Eu não sei o Quer dizer, mas a imprensa não falou muito sobre isso?“ele adicionou.

A equipe de campanha de Biden publica os resultados do teste Covid-19 do candidato diariamente. Até agora, todos os testes publicados foram negativos.

Transparência não praticada pelo presidente dos Estados Unidos. Sua equipe médica se recusa a dizer quando foi a última vez que Trump foi negativo. Essa postura alimenta as suspeitas de que o presidente não fazia o teste há vários dias antes de anunciar, em 1º de outubro, que havia contraído o coronavírus.

A questão da imunidade à Covid-19 em pessoas que contraíram o vírus ainda não está totalmente clara. A grau de proteção oferecido por anticorpos ou a duração de qualquer grau de imunidade não conhecido com precisão.

Doença infecciosa devido a reinfecção por Covid: ‘Os anticorpos não garantem o passaporte imunológico’

Donald Trump ficou três dias internado por conta da Covid-19 e recebeu alta na última segunda-feira (5).

No sábado (10), o O médico da Casa Branca Sean Conley disse que Trump realizou um teste indicando que não havia mais risco de transmissão. do coronavírus. A Casa Branca se recusou a comentar se a declaração significa que o teste de Trump foi negativo, de acordo com a Reuters.

Logo depois, Trump disse à Casa Branca para centenas de apoiadores que ele está retornando à arena da campanha em um ritmo intenso. Na segunda-feira (12), ele fará um rally na Flórida (sudeste) na terça (13), na Pensilvânia (noroeste) e na quarta-feira (14), em Iowa (centro).

VÍDEOS: Como foi o primeiro debate presidencial entre Donald Trump e Joe Biden?

You May Also Like

About the Author: Edson Moreira Bezerra

"Zombieaholic. Amadores de comida amadora. Estudioso de cerveja. Especialista em extremo twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *