Um novo filme de Brett Novak revela por que as meninas dançam em uma nova era do skate

Em ‘As Meninas da Guanabara’, Ana María Suzano, Teresa Madeline, Sara Watanabe e Beatriz Gavelak desafiam as leis da gravidade enquanto patinam sem medo e mostram suas habilidades técnicas em meio às paisagens deslumbrantes do Rio de Janeiro. O filme de seis minutos, apoiado pela Nike, busca inspirar mulheres ao redor do mundo a serem ousadas, destemidas e criativas, seja no skate, esportes radicais ou o que quiserem.

As quatro mulheres foram ensinadas a dançar longboard pelo Pranchas de guanabara escola de longboard que inaugurou campus em Londres em 2020, após operar no Rio de Janeiro desde 2010.

A produtora do filme, Teresa Madeline Batista, residente no Reino Unido, que também fez longboard no vídeo enquanto estava grávida de 8 semanas, disse: “Eu fiz este filme para empoderar as mulheres, nunca houve um como este. Isso mostra um nível tão alto de habilidade e criatividade de mulheres jogadoras de longboard – precisávamos de um cineasta que pudesse igualar a habilidade e criatividade das meninas, e é aí que Brett Novak entrou. “

As garotas guanabara

As garotas guanabara

As garotas guanabara

Sara Watanabe.  Fotografia de Teresa Madeline

Sara Watanabe. Fotografia de Teresa Madeline

Brett Novak é cineasta, diretor e editor de videoclipes de artistas como Beyoncé e Kanye West. Ele é mais conhecido por seus curtas-metragens relacionados ao skate; particularmente suas colaborações com o skatista profissional espanhol Kilian Martin, que alcançou mais de 15 milhões de visualizações no YouTube. Seus filmes foram encomendados por marcas como Mercedes e Google. Esta é a primeira vez que ela faz um filme estrelado por mulheres longboarders.

A estudante de psicologia Ana Maria Suzano começou a patinar aos 14 anos e já provou ser o estrelato online com mais de 20 milhões de visualizações em seus vídeos. Sua fluidez no conselho e seu amor pela moda influenciaram uma geração inteiramente nova de mulheres e homens jovens em todo o mundo, o que também não passou despercebido pelas marcas globais; Recentemente, ele apareceu como o rosto da marca mexicana de chocolate Ricolino.

Ana maria suzano

Ana maria suzano

Sara Watanabe.  Fotografia de Teresa Madeline

Sara Watanabe. Fotografia de Teresa Madeline

Beatriz Gavelak.  Fotografia de Lucas Inke

Beatriz Gavelak. Fotografia de Lucas Inke

Teresa Madeline Batista é uma produtora, cineasta e fotógrafa nascida no Reino Unido. Ela originalmente viajou para o Brasil em 2014 para trabalhar em um projeto sobre mulheres no esporte de prancha, onde começou a pesquisar para o filme Garotas da Guanabara. Ela ficou tão atraída pelo seu mundo que se mudou para o Brasil, onde conheceu seu treinador / marido de skate e mergulhou na prática da dança do longboard, eventualmente se tornando uma ‘Garota Guanabara’.

Sara Watanabe é modelo e graduada em negócios, nascida e criada no Rio de Janeiro. Quando ele não está agitando as colinas do Rio, ele está agitando as planícies com seu fluxo rítmico sem esforço e equilíbrio com o mundo exterior. Enquanto enfermeira em treinamento e proprietária de negócios Beatriz Gavelak aperfeiçoa um estilo de dança suave e delicado, ao mesmo tempo provando que ela realmente é uma mestra do equilíbrio ao realizar truques técnicos desafiadores que poucas pessoas no mundo podem fazer.

Sara Watanabe.  Fotografia de Teresa Madeline

Sara Watanabe. Fotografia de Teresa Madeline

Teresa Madeline.  Fotografia de Alex Batista

Teresa Madeline. Fotografia de Alex Batista

As garotas guanabara

As garotas guanabara

You May Also Like

About the Author: Jonas Belluci

"Viciado em Internet. Analista. Evangelista em bacon total. Estudante. Criador. Empreendedor. Leitor."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *