UnB e Saúde: a associação realizará até 700 exames de coronavírus por dia

JBr.

Nesta sexta-feira (20), o Departamento de Saúde do Distrito Federal e a Universidade de Brasília (UnB) assinaram uma associação para fortalecer a luta contra o coronavírus na Cidade do México. A universidade oferecerá apoio na realização de testes de diagnóstico para o vírus, o que pode resultar em 48 horas.

Segundo o professor de imunologia da UnB, Jaime Santana, o laboratório da universidade tem capacidade para realizar entre 500 e 700 diagnósticos por dia. “A idéia é fazer essa associação e usar a experiência da universidade nessa área para aumentar o número de diagnósticos de coronavírus”, disse Francisco Araújo, secretário de Saúde do DF, em uma reunião no PO 700 Business Center.

“Estamos todos prontos para começar. Assim que os suprimentos forem comprados para realizar a reação que o vírus detecta, iniciaremos imediatamente, como parte da função social que a universidade desempenha ”, relatou Santana.

O laboratório da UnB possui dez máquinas capazes de amplificar o material genético do vírus e realizar as reações químicas que detectam o DNA do coronavírus. “Nesta expansão, cópias de DNA são feitas em um nível que podemos avaliar e saber, com certeza, se o vírus testado vem do coronavírus ou de outra pessoa”, explicou o professor.

Com informações da Agência Brasília

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *