URGENTE: França excede 1.000 mortes por coronavírus (oficial)

JBr.

A França superou a barreira de 1.000 mortes e 20.000 infecções causadas por coronavírus, informou nesta terça-feira (24) o diretor geral responsável pela Saúde, Jérôme Salomon.

Desde o início da epidemia, 1.100 mortes (+240 mortes nas últimas 24 horas) e 22.300 casos de COVID-19 foram relatados, disse Salomon em uma entrevista coletiva transmitida pela televisão.

Confinamento

O confinamento imposto na França para conter a disseminação do coronavírus deve durar pelo menos seis semanas no total, disse um comitê de especialistas que assessora a Presidência francesa.

“O confinamento provavelmente durará pelo menos seis semanas desde o início”, disse ele ao comitê em 17 de março, que considerou essencial estender a medida originalmente planejada por duas semanas.

Esse comitê, formado por médicos, antropólogos e sociólogos, foi criado pelo Ministério da Saúde para ajudar o Presidente Emmanuel Macron na luta contra o Covid-19.

O confinamento da população, que está em vigor há uma semana em todo o país, força todos os franceses a permanecerem em casa, exceto em rotas essenciais, como a compra de alimentos.

O ministro da Saúde da França, Olivier Véran, disse que o número de seis semanas é uma “estimativa”.

O comitê nos disse que “temos que estar preparados para o confinamento durar mais de duas semanas e que pode ser ainda mais como cinco ou seis semanas”, disse ele. “Vai durar o tempo necessário”, acrescentou.

Terceiro país mais afetado da Europa, atrás da Itália e da Espanha, a França registra 1.100 mortes por coronavírus e 22.300 casos oficialmente diagnosticados, segundo dados oficiais publicados nesta terça-feira.

Agence France-Presse

You May Also Like

About the Author: Adriana Costa Esteves

"Estudioso incurável da TV. Solucionador profissional de problemas. Desbravador de bacon. Não foi possível digitar com luvas de boxe."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *